terça-feira, 9 de agosto de 2016
[caption id="attachment_1153" align="alignnone" width="620"]Sargento Ranilson do 7º BPM, morto em emboscada Sargento Ranilson do 7º BPM, morto em emboscada[/caption]

Mais um Policial Miliar foi assassinado a tiros no Maranhão. O crime ocorreu na noite desta segunda-feira (8) na cidade de Santa Luzia do Tide.

Sargento Ranilson, do 7º BPM, conhecido como “Cabecinha” estava em uma motocicleta juntamente com o Cabo Elisvaldo e dois suspeitos de realizarem assaltos naquela cidade estavam escondidos em um local escuro e observavam os policiais. Ao retornarem pelo local onde estavam os meliantes, os PM’s foram vítimas de uma emboscada porém, apenas o Sargento Ranilson foi atingido com um disparo de arma de fogo no peito. Ele chegou a ser socorrido mas morreu antes de chegar ao hospital. A arma utilizada no crime foi uma calibre 12, de acordo com informações policiais locais.

Sargento Ronildo atuava em Santa Luzia mas já havia prestado serviço no município de Santa Inês onde comandava a Companhia de Polícia Militar. É o segundo PM assassinado a tiros no Maranhão em menos de uma semana.

No último sábado (6), o sargento reformado Adelson Cascais Cabral, de 70 anos, foi vítima de latrocínio e morreu em consequência de um tiro na cabeça. O crime aconteceu na Cidade Alta, Nova Terra, município de São José de Ribamar, Região Metropolitana de São Luís. A vítima era pai do Major QOPM Cabral do CTA. (Reveja o caso)

Dois suspeitos pela morte do Sargento Adelson foram mortos em confronto com a PM na tarde de ontem. Em Santa Luzia, os dois acusados da morte do Sargento Ranilson também entraram em confronto com policiais e foram à óbito no início da madrugada de hoje (9).

Na Polícia Militar o clima é de tristeza e PM’s lamentam que mais um companheiro de farda tenha sido morto dessa forma.

0 comentários:

Postar um comentário

IPVA

Contatos

Whatsapp: 98-988916524


E-mail: folhadomunicipio@hotmail.com

Facebook

Rádio Timbira

banner: radio timbira

Navigation