sexta-feira, 30 de setembro de 2016
No total, são 52 municípios maranhenses contemplados com força federal; Pedido foi apresentado pelo Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão; Reforço foi aprovado devido a disputas entre grupos políticos locais.

[caption id="attachment_2005" align="alignnone" width="543"]Homens da força nacional atuarão no Maranhão para evitar confrontos entre grupos adversários… Homens da força nacional atuarão no Maranhão para evitar confrontos entre grupos adversários…[/caption]

Dois dias antes, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) tinha aprovado o envio de força federal para 45 cidades maranhenses para reforçar a segurança das eleições municipais deste ano.Na noite da última quinta-feira (29), os ministros Henrique Neves e Luciana Lóssio aprovaram, ad referendum do Plenário, o envio de tropas da federais para outros 7 municípios do Maranhão: Raposa, São Luís, São José de Ribamar, Vitorino Freire, Santa Inês, São Domingos do Maranhão e Paço do Luminar.


De acordo com o TSE, os pedidos de força federal para os municípios do Maranhão foram aceitos em razão das disputas acirradas entre grupos políticos locais – como as que ocorreram nas eleições gerais de 2010 e 2014; e nas eleições municipais de 2008 e 2012.

Agora somam 52 os municípios que receberão reforço nacional na segurança da eleição, confira relação numerada:

1 Amarante do Maranhão;
2 Araióses;
3 Água Doce do Maranhão;
4 Arame;
5 Bacuri;
6 Barra do Corda;
7 Benedito Leite;
8 Bequimão;
9 Bom Lugar;
10 Buriti;
11 Buriticupu;
12 Bom Jesus das Selvas;
13 Cajari;
14 Carolina;
15 Codó;
16 Coelho Neto;
17 Coroatá;
18 Cururupu;
19 Dom Pedro;
20 Fernando Falcão;
21 Guimarães;
22 Lago da Pedra;
23 Matinha;
24 Olinda Nova do Maranhão;
25 Mirador;
26 Sucupira do Norte;
27 Passagem Franca;
28 Buriti Bravo;
29 Penalva;
30 Pinheiro;
31 Pedro do Rosário;
32 Presidente Sarney;
33 Santa Helena;
34 Turilândia;
35 Santa Luzia;
36 Santa Luzia do Paruá;
37 Santa Rita;
38 São Raimundo das Mangabeiras;
39 Sambaíba;
40 São Vicente Férrer;
41 Tuntum;
42 Tutóia;
43 São Mateus;
44 Monção;
45 Chapadinha;
46 São Luís;
47 São José de Ribamar;
48 Paço do Lumiar;
49 Raposa;
50 São Domingos do Maranhão;
51 Vitorino Freire;
52 Santa Inês.
quinta-feira, 29 de setembro de 2016
pindoba1

Com alegria contagiante e o desejo de celebrar o crescimento da candidatura de Gilberto Aroso (PRB) à Prefeitura de Paço do Lumiar nas pesquisas eleitorais, uma multidão tomou conta das ruas da Pindoba numa caminhada histórica ao lado de Gilberto Aroso, do candidato a vice-prefeito Jorge Marú e do seu grupo político na última quarta-feira (28).

Com a música “Agora é 10 pra valer!”, que já se consagrou na campanha política de Gilberto Aroso, os moradores foram incansáveis na caminhada sempre exaltando a satisfação de estar presente nessa ocasião. Alguns eleitores relembraram a gestão de Gilberto Aroso quando foi prefeito e relataram os motivos de terem lhe escolhido como candidato.

“Eu voto em Gilberto, pois eu lembro que ele foi um excelente prefeito que trouxe muitos benefícios para a população e sendo eleito ele vai fazer um trabalho ainda melhor”, relatou a eleitora Maria Tereza.

“Eu voto em Gilberto 10, pois é o melhor nome para Paço do Lumiar, com grandes propostas para o nosso município que é carente em diversas áreas que na sua gestão eu sei que serão resolvidos”, relatou o eleitor Pedro Diniz.

pindoba

Para encerrar este grandioso evento foi realizado um comício que contou com a presença de um grande número de candidatos a vereadores que fazem parte das coligações que apoiam o candidato, além de diversas lideranças locais. Onde a D. Concita da Pindoba uma das maiores lideranças registrou seu apoio ao candidato a prefeito Gilberto e ao vice-prefeito Jorge Marú.

“Sou nascida e criada na Pindoba e já trabalhei na gestão de Gilberto, onde sempre fui ouvida, e nessa época observei um salto de qualidade na educação e na agricultura familiar através do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) e Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE), Gilberto nunca mandou a polícia me bater e nem prender agricultor e pescador, o que já aconteceu em outra gestão e é por isso que estou com o 10”, declarou a líder Concita da Pindoba.

Na ocasião o candidato a prefeito, Gilberto Aroso agradeceu a presença de todos que tornaram esse momento inesquecível e fez um discurso que despertou a euforia e uma salva de palmas de todos.

“Temos em Paço do Lumiar uma gestão desastrosa, não temos saúde, educação em uma cidade com quase 150 mil habitantes, não temos apoio no esporte e na cultura como tínhamos no passado, mas nós vamos mudar a história de Paço do Lumiar com respeito com os cidadãos, à mulher e a família luminense. Vamos buscar parceiras para resgatar a educação, a saúde, a cultura, a infraestrutura e a produção, Deus e o povo vão me dar essa oportunidade por mais quatro anos para trabalharmos diuturnamente, quero fazer muito mais para este povo luminense. Meus adversários políticos afirmaram que eu não seria candidato, não teria a candidatura registrada, sou candidato sim e recebo o apoio, carinho e respeito em todas as minhas caminhadas”, enfatizou o candidato a prefeito, Gilberto Aroso.
lourival-e1475158546249

O presidente do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) do Maranhão, desembargador Lourival Serejo, fez ontem (28) um elogio público à conduta de blogueiros na cobertura das eleições municipais deste ano.

Durante coletiva realizada na sede do TRE-MA, ele agradeceu o apoio da imprensa e destacou, especificamente, o trabalho dos titulares de blogs, que, para ele, “prestaram serviço” à população.

“Nossos agradecimentos à imprensa do Maranhão, que nestas eleições prestou uma contribuição muito grande para nós. Não tivemos reclamações. Inclusive os blogueiros se comportaram de forma que não ensejou nenhum pedido de ações contra eles e nem prestaram desserviço fazendo alarde de informações que causassem alguma polêmica e desconforto na Justiça Eleitoral”, disse.

É isso aí…
quarta-feira, 28 de setembro de 2016
O juiz Cícero Dias, titular da 4ª Vara da Fazenda Pública do Maranhão, decidiu hoje (28) extinguir o processo movido pelo Estado contra o deputado estadual Wellington do Curso (PP), candidato a prefeito de São Luís pela coligação “Por amor a São Luís”, por suposta invasão de um terreno público às margens da Via Expressa.

O magistrado concordou com argumentos da defesa do parlamentar – de que ele não poderia figurar como réu na ação porque não é proprietário do imóvel – e decidiu encerrar a ação, por ilegitimidade do pólo passivo.

“O réu [Wellington do Curso], com documentos, provou não ter a propriedade da área objeto da demanda e também não há prova de que ele tenha praticado esbulho ou que detenha a posse a qualquer título da referida área. Por outro lado, o autor [Estado do Maranhão], mesmo sabendo que o réu sempre alegou não ter praticado esbulho ou deter qualquer poder sobre o imóvel objeto da lide, evitou apontar pessoa diversa responsável pelo esbulho denunciado. O réu, na realidade, é parte ilegítima para figurar no pólo passivo da demanda, razão por que acolho a preliminar suscitada e extingo o processo sem resolução de mérito”, despachou Dias.

O terreno apontado pelo Estado como de Wellington do Curso, na verdade, pertence a um irmão dele, conforme o próprio deputado já havia revelado em entrevista exclusiva aoBlog do Gilberto Léda há duas semanas (reveja).

“A Procuradoria Geral do Estado (PGE) cometeu um erro jurídico infantil. Promoveu uma ação, apontando-me como réu e detentor da posse de um terreno na área que hoje abriga a Via Expressa. Entretanto, quem adquiriu o imóvel foi meu irmão, conforme o contrato de compromisso de compra e venda e procuração registrada em cartório que aqui apresento”, disse, à época.

Mirthyani Bezerra


Do UOL, em São Paulo 




[caption id="attachment_1969" align="alignnone" width="615"]Mesários e fiscais de partidos também não podem ser presos; para os candidatos a 'quarentena' dura 15 dias Mesários e fiscais de partidos também não podem ser presos; para os candidatos a 'quarentena' dura 15 dias[/caption]

Ninguém pode ser preso cinco dias antes e dois dias depois da data de realização de eleições. A regra começou a valer a partir desta terça-feira (27), já que as eleições estão marcadas para o próximo domingo (2). No entanto, há exceções.

A polícia pode prender alguém em flagrante cometendo um crime ou se houver uma sentença condenando a pessoa por crime sem fiança. Além disso, se alguém tiver salvo-conduto, este não pode ser revogado. "Se a pessoa tiver habeas corpus preventivo, não poderá ter esse direito à liberdade desrespeitado nesse período", diz o procurador regional eleitoral de São Paulo, Pedro Barbosa.

As regras estão dispostas no artigo 236 do Código Eleitoral, que data de 1965, em plena ditadura militar. "É uma garantia para o eleitor. A partir de agora ele goza de certas prerrogativas para ter condições de exercer o direito ao voto", conta Silvio Salata, conselheiro seccional e presidente da Comissão de Direito Eleitoral da OAB-SP (Ordem dos Advogados do Brasil em São Paulo).

A lei também proíbe que todo o pessoal recrutado pela Justiça Eleitoral para trabalhar durante o pleito, assim como os fiscais dos partidos, seja preso ou detido. Os candidatos também têm esse direito. Eles não podem ser presos a partir de 15 dias antes das eleições.

Nessa perspectiva, ficam proibidos cumprimentos de mandados de prisão preventiva e temporária. "Por isso prisões como as que aconteceram nessa semana no âmbito da Operação Lava Jato, por exemplo, estão proibidas por essa legislação a partir de hoje", afirma Pedro Barbosa.

Silvio Salata cita o caso em 2012, em São Paulo, de um candidato que teve mandado de prisão expedido por um suposto vínculo com uma organização criminosa. "A polícia, em um primeiro momento, entendeu que podia fazer a prisão, mas ele acabou entrando nessa 'quarentena' e não foi preso."

Caso a prisão tivesse sido efetuada qualquer juiz ou até o próprio presidente do Tribunal de Justiça concederia imediatamente um habeas corpus. "Os policiais poderiam responder até por abuso de autoridade", diz Salata.

Na opinião do procurador regional eleitoral de São Paulo, Pedro Barbosa, a lei é obsoleta. "Essa lei não tem muito sentido hoje. No passado, existia um receio de um ataque maior às liberdades individuais. Hoje vivemos numa democracia e não existe um risco que justifique esse dispositivo."
 

20160928_215213

Udes Filho apresenta suas propostas de mudança e recebe os aplausos do povo raposense em reunião realizada no Cantinho Verde, na Vila Bom Viver.
O candidato a vereador foi aplaudido várias vezes por um povo que parece estar com fome e sede de mudança...

Em seu pronunciamento, Udes Filho10000 voltou exibir a vassoura ao público, que, segundo ele, "será pra fazer uma limpeza nessa cidade."

"Se eu for eleito, vou fazer um projeto de resolução, para que os vereadores trabalhem na Câmara todos os dias. Porque esse negócio de vereador só ir trabalhar um dia da semana, ou seja na sexta-feira, isso é uma falta de respeito com povo," disse o candidato.

"Em cada ato politico realizado nesse município pelo grupo 10, aumenta minha confiança e acredito muito na vitória de Ocileia Fernandes prefeita e Udes Filho vereador, dia 2 de outubro, "declarou um simpatizante do PRB na Raposa.
"Não tenho dúvidas, ela será a próxima prefeita de Raposa!"-disse.  
Estavam presentes à reunião de ontem(28), o empresário Cocóia, o candidato a vice de Ocileia, Osmar do Feirão e Alisson Penha - presidente de honra do PRB.


14519891_1088220867951689_2904048154302485847_n


Fotos: Nonato Aguiar / Jornal Folha do Município

terça-feira, 27 de setembro de 2016
edivaldo-7

O prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda Júnior (PDT), utilizou seu programa eleitoral na noite de hoje (27) para comentar o cancelamento do debate da TV Difusora.

Na televisão, o pedetista lamentou o episódio, lembrou que já havia confirmado presença e garantiu debaterá com os adversários na TV Mirante, em encontro que está marcado para ocorrer na quinta-feira (29).

“Fui o primeiro a confirmar aqui no horário eleitoral minha partipação no debate da TV Difusora e, também, da TV Mirante. Considero o debate, uma oportunidade para os eleitores conhecerem as propostas e a postura de cada candidato. Infelizmente, o debate da Difusora foi cancelado pela emissora, por causa de uma decisão judicial motivada por outro candidato. Mais uma vez, confirmo aqui a minha presença no debate da Mirante”, declarou.


luisfernando-2


TRE cassa Julinho e Luis Fernando é candidato único em Ribamar.


Foi por unanimidade. A corte do Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão (TRE-MA) confirmou na tarde desta terça-feira, dia 27, a cassação da candidatura do médico Julinho Filho (PMDB) à prefeitura de São José de Ribamar.

Pelo placar de 4 a 0, o TRE manteve a decisão da juíza da primeira instância em São José de Ribamar, Tereza Mendes, que indeferiu o registro da candidatura do peemedebista.

Com a decisão, apenas o candidato da coligação Aliança Democrática Ribamarense, Luis Fernando Silva (PSDB), está apto a concorrer ao pleito no próximo dia 2 de outubro.

Julinho teve sua candidatura indeferida pela Justiça, em decorrência de suas duas contas desaprovadas pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE-MA), durante sua passagem pela diretoria da Maternidade Benedito Leite.

Além das contas reprovadas, Julinho não se desincompatibilizou no dia 2 de julho, como manda a lei eleitoral, do cargo de médico que exerce no Estado, fato este que também impediu sua candidatura, segundo o procurador da República junto ao TRE, Thiago Ferreira de Oliveira.

Desmoralizado na Justiça e sem perspectiva eleitoral, Julinho e seu pequeno séquito continuam, no entanto, fazendo uma campanha baixa contra Luis Fernando em São José de Ribamar.
[caption id="attachment_1949" align="alignnone" width="600"]TRE-MA acaba com factoide e defere candidatura de Gilberto Aroso TRE-MA acaba com factoide e defere candidatura de Gilberto Aroso[/caption]

O candidato do PRB à Prefeitura de Paço do Lumiar, Gilberto Aroso, conseguiu mais uma vitória na Justiça Eleitoral e está confirmadíssimo na disputa eleitoral do dia 02 de outubro.

Inicialmente Gilberto Aroso teve sua candidatura deferida pelo juiz eleitoral Flávio Roberto Ribeiro Soares, da 93ª Zona Eleitoral e agora, nesta terça-feira (27), quem confirmou a candidatura de Gilberto Aroso foi o pleno do Tribunal regional Eleitoral do Maranhão.

O TRE-MA deferiu na tarde desta terça-feira a candidatura de Gilberto Aroso (PRB) a prefeito de Paço do Lumiar. A decisão foi por maioria, 3 votos contra 1, e derrubou o parecer do Ministério Público Eleitoral (MPE), que havia opinado pelo indeferimento.

Votaram pela garantia do registro de candidatura do ex-prefeito os desembargadores Sebastião Bonfim, Eduardo Moreira e Raimundo Barros. O único voto contra Gilberto Aroso foi da desembargadora Katia Coelho.

Com a decisão da Justiça Eleitoral, acaba o discurso dos adversários de Gilberto Aroso, que, de maneira leviana, espalhavam que a candidatura de Gilberto Aroso não seria deferida.

Resta saber se ainda vão criar um novo factoide contra a candidatura de Gilberto Aroso ou vão se contentar com a derrota e respeitar a vontade da população de Paço do Lumiar.

Votaram pelo deferimento da candidatura de Gilberto Aroso, os desembargadores Sebastião Bonfim, Eduardo Moreira e Raimundo Barros.  O único voto contrário foi da desembargadora Katia Coelho.

A decisão do TRE-MA não levou em consideração o parecer do Ministério Público Eleitoral (MPE) pelo indeferimento.

Dessa forma, Gilberto Aroso que lidera as pesquisas de intenção de votos para a Prefeitura de Paço do Lumiar segue na disputa com grande chance de vitória. na eleição do próximo domingo.
segunda-feira, 26 de setembro de 2016
[caption id="attachment_1924" align="alignnone" width="640"]Ociléia agradeceu a recepção calorosa da grande família 10. Fotos: Nonato Aguiar / Jornal Folha do Município Ociléia agradeceu a recepção calorosa da grande família 10.
Fotos: Nonato Aguiar / Jornal Folha do Município[/caption]

20160925_215800

Mais um mega comício da próxima prefeita Ociléia Fernandes (PRB), desta vez na Avenida Principal de Raposa, reuniu milhares de pessoas na noite do último domingo, dia 25.

Ocileia se comprometeu com a classe dos agricultores e disse que "tem os melhores projetos de fazer a agricultura crescer muito mais." "A vocês pescadores que hoje são humilhados, terão a oportunidade de serem patrões, porque vocês terão apoio da prefeita Ocileia. Vocês terão linha de créditos, para se libertarem dos atravessadores," garantiu.

A candidata do PRB também falou as mães e pais de famílias que fazem o turismo desta cidade acontecer: "vocês são geradores de rendas, vocês hoje dão emprego, é por causa de vocês que os restaurantes hoje, também empregam," e citou como por exemplo, o nosso amigo CAPOTE, como referencia, de um grande empreendedor e gerador de emprego e renda, para o nosso município.

"Vamos preparar a nossa cidade, pra receber os nossos turistas," disse.

Em sua fala, a candidata do PRB, "defendeu uma educação com mais escolas e mais creches e uma saúde de qualidade digna, humanizada, com medicação, com sala de raio X, com exames de imagem, com os exames laboratoriais básicos."

Ocileia diz em comício que "é candidata ficha limpa, mãe de família, mulher, que recebe as pessoas na sua própria casa e que está sempre à disposição do povo e que não foge à luta..."

"Estou nesse projeto com meu companheiro de chapa Osmar, porque acreditamos que a Raposa tem jeito. A Raposa tá sofrendo há quatro anos, porque teve duas gestões em quatro anos devastadoras.  Era um entra e sai de prefeitos, uma falta de respeito com o povo. E cada um jogando a culpa na sua irresponsabilidade um pro outro," disse a candidata do PRB.

A candidata do PRB10 declarou que "esses dias tem sofrido pancadas,  sofrido armações, mas também não é de se admirar, tá no DNA da candidata, porque é da mesma forma de fazer politica do pai.  Mas eu me orgulho prefeito Paraíba de ser sua filha! De saber que aqui, eu estou fazendo um trabalho bem feito e honesto..."

Ocileia disse que "não ia baixar o nível e repudiou a essa forma do adversário fazer politicas."

"É uma campanha sofrida meus amigos, porque sou uma mãe honesta, que me vejo todos os dias sendo atacada por um blogueiro incompetente e sem respaldo e que ajudou a saquear o município durante os três meses e que está louco pra voltar, mas vocês não vão deixar. Eu estou sendo atacada, mas cada vez que me ataca, eu tenho mais forças pra continuar," desabafou a candidata a prefeita Ocileia Fernandes, ao referir-se ao blogueiro Domingos Costa, do qual usa da sua profissão para fazer perseguições e infernizar todos os dias à candidata do PRB na Raposa.

"Eu não me escondo, porque não devo. Não devo três meses de salários, não fui eu que desviou mais de R$6 milhões aos cofres públicos. E por isso não teve coragem de mostrar a cara, porque não sabia como dar explicações," disse.

"Esses áudios que estão rolando por ai, são armações e tem por objetivo denegrir a nossa imagem, mas vocês me conhecem há mais de 27 anos e sabem que sou uma mãe de família, uma mulher honesta,"disse ela.
A uma semana do dia da eleição, Ociléia Fernandes, tem pleno apoio popular da população Raposense.

Estiveram presentes, além da candidata a prefeita Ociléia Fernandes, seu vice Osmar do Feirão, candidatos a vereadores da coligação, lideranças políticas, vereadores Laurivan do Posto, Dunga e Wanderson e os deputados Marcos Caldas e Victor Mendes.

Ociléia agradeceu a recepção calorosa da grande família 10, "estou muito feliz em ver que estamos no caminho certo para a vitória."
dinheiro

O juiz Douglas de Melo Martins, titular da Vara de Interesses Difusos e Coletivos de São Luís, proibiu hoje (26) prefeitos de todo o Maranhão de realizar os chamados “saques na boca do caixa”, em espécie, no Banco do Brasil e Bradesco.

A decisão vale para todos os gestores de contas referentes a recebimentos de verbas oriundas de convênios e outros repasses do Estado do Maranhão.

De acordo com a decisão, também fica proibida qualquer transferência de valores mantidos nas referidas contas “para a conta única do Tesouro Municial, Tesouro Estadual ou quaisquer outras contas de titularidade de municípios maranhenses e do Estado”, bem como “operações como emissão de TED’s, DOC’s e transferências com destinação não sabida e movimentações por meio de rubricas genéricas, como ‘pagamento a fornecedores’ e ‘pagamentos diversos’.

Na decisão, o juiz determina ainda que os recursos oriundos de repasses do Estado do Maranhão aos municípios sejam mantidos apenas nas respectivas contas específicas, devendo ser “retirados exclusivamente mediante crédito em conta corrente das pessoas que receberem os valores, as quais devem ter seus nomes, conta bancária e CPF/CNPJ identificados pelo banco, inclusive no corpo dos extratos”. Cabe aos bancos fornecer, mediante simples requisição ministerial ou de outros órgãos de controle estatais e dentro do prazo que lhes for consignado, as informações sobre movimentações em contas bancárias de titularidade do Estado, dos municípios e de qualquer de seus órgãos, consta das determinações.

A multa diária em caso de descumprimento das determinações é de R$ 10 mil.

A decisão atende a pedido de Tutela de Urgência requerido pelo Ministério Público do Estado do Maranhão em desfavor dos citados bancos (Banco do Brasil e Bradesco) para o cumprimento de obrigação de fazer consistente nas determinações acima especificadas. Na ação, o MPE destaca, entre outras coisas, “a forma mais comum de escamotear a gestão irregular de recursos” representada pelos chamados “saques na boca do caixa” e a “imensa dificuldade de recuperar ativos desviados”. Segundo o autor da ação, a ideia não é impor aos bancos réus que fiscalizem a aplicação das verbas públicas, mas somente que as instituições bancárias não permitam o tipo de saque citado (boca do caixa) e “nem o envio de valores das contas específicas para outras contas do próprio Município (ou do gestor) ou para pessoas não identificadas”.

Uma paulada nas pretensões eleitoreiras de prefeitos que pensam em usar recursos públicos para comprar voto às vésperas da votação do dia 2 de outubro.

Baixe aqui a íntegra da decisão.
foto3_carreata

Na reta final da campanha, o candidato da coligação “Aliança Democrática Ribamarense”, Luis Fernando Silva (PMDB), realizou no último domingo a maior carreata já vista no município, em período de campanha, com cerca de 700 carros.

Mesmo sendo o único candidato a prefeito de São José de Ribamar com registro deferido pela Justiça Eleitoral, por não ter contas rejeitadas e por não ter condenações nas instâncias dos poderes judiciários, tanto federal quanto estadual, Luis Fernando segue fazendo uma campanha vibrante, propositiva e responsável.

E na carreata deste domingo, ficou provado o carinho dos ribamarenses pelo tucano. Por onde passou foi saudado pelos moradores que saíram das suas casas para acenar para Luis Fernando e demonstrar total apoio à sua candidatura.

“Muito mais do que um reconhecimento por tudo que já fiz por São José de Ribamar, não somente como prefeito, mas por meio de outros cargos públicos que ocupei na minha vida pública, esse carinho é uma demonstração de amor e de cumplicidade do nosso povo com o meu trabalho em favor da cidade”, declarou Luis Fernando.

Luis Fernando disse ainda que a campanha que tem feito nesta eleição é uma prova de respeito ao povo e ao seu grupo político. “Estamos apresentando as nossas propostas de governo, que podem ser sintetizadas pelo sentimento latente de reconstrução da cidade, mas também estamos dando uma força, em todos os atos de campanha, para os candidatos a vereador das nossas coligações aliadas, pois vamos precisar muito da Câmara para, mais uma vez, transformarmos a realidade de São José de Ribamar”, ressaltou.

????????????????????????????????????

Durante a semana, Luis Fernando visitou mais 16 bairros, sempre caminhado pelas ruas dessas localidades e conversando diretamente com o cidadão. Foram visitados pelo tucano os bairros J. Lima, Sarney Filho II, Turiuba, Pindaí, Vila Dr. José Silva, Iraque, Rio São João, Sarnambi, Moropóia, Boa Vista, Parque Florêncio, Miritiua, Tijupá Queimado, Alonso Costa, Vila Kiola e Parque Vitória.

Nesta semana, na terça e quarta-feira, Luis Fernando vai visitar ruas de bairros na sede do município, realizará ainda o último comício na quinta-feira (29) e encerrará a campanha com uma grande caminhada também na sede de São José de Ribamar.
aroso

O procurador regional eleitoral do Maranhão, Thiago Ferreira de Oliveira, emitiu ontem (24) parecer pelo indeferimento da candidatura do líder nas pesquisas em Paço do Lumiar, o ex-prefeito Gilberto Aroso (PRB).

O caso na cidade é complicado, mas pode ser resumido.

Aroso foi condenado em março deste ano, por decisão da 1ª Câmara Criminal do TJ, por fraude na montagem de licitações.

Como a decisão é colegiada, ele estava, a partir dali, inelegível por oito anos.

Ocorre que O candidato recorreu à presidência do TJ – sob o exercício do desembargador Jorge Rachid – e pediu a atribuição de efeito suspensivo a um recurso especial protocolado por sua defesa.

captura-de-tela-2016-09-25-as-22-08-50Rachid não apenas deferiu o efeito, como ainda acolheu embargos de declaração para “deixar expresso que o pedido de atribuição de efeito suspensivo deferido refere-se tanto ao cumprimento da pena restritiva de liberdade, como para garantir a elegibilidade do requerente, afastando qualquer hipótese de incidência de causa de inelegibilidade” (veja ao lado).

Ou seja: o magistrado garante que o ex-prefeito não pode ser considerado inelegível.

É com base nesse despacho que os aliados de Gilberto Aroso têm tanta certeza de que ele terá a candidatura confirmada nos tribunais superiores.

O entendimento do representante do Ministério Público Eleitoral no Maranhão, no entanto, é diferente.

Ao julgar seis recursos eleitorais sobre o mesmo caso – dois da coligação de Domingos Dutra (PCdoB), um da coligação de Josemar Sobreiro (PSDB), um do MPE, um do próprio Gilberto Aroso e um do PRB, partido dele -, Thiago Oliveira apresenta jurisprudência do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) de Santa Catarina segundo a qual uma decisão monocrática de um membro do próprio tribunal que condenou um réu não é suficiente para afastar hipótese de inelegibilidade determinada pelo órgão colegiado.

Para o procurador, só o Superior Tribunal de Justiça (STJ) poderia ter salvado Aroso nesse caso. “Sob pena de preclusão”, aponta.

Com base nesse entendimento, Thiago Oliveira opinou pelo indeferimento do registro de candidatura do ex-prefeito Gilberto Aroso.

O caso deve ser julgado nesta semana pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE) do Maranhão.

Baixe aqui a íntegra do parecer.
domingo, 25 de setembro de 2016
gilberto1

A cada dia fica mais próximo a vitória do candidato do PRB, Gilberto Aroso, a Prefeitura de Paço do Lumiar. A vontade da população foi mais uma vez foi demonstrada numa mega caminhada.

Na sexta-feira (23), Paço do Lumiar parou para acompanhar e/ou caminhar ao lado de Gilberto Aroso. Aproximadamente 10 mil pessoas demonstraram o desejo de ver Gilberto Aroso novamente comandando o Município.

gilbertp

A caminhada de sexta-feira foi um dos maiores eventos políticos já realizado em Paço do Lumiar. A demonstração de carinho refletiu os números da pesquisa Escutec, divulgada nesta semana, que confirmou o que todos já sabiam, a liderança de Gilberto Aroso na disputa eleitoral.

Contra fatos e fotos não existem argumentos.



(Com informações do IDifusora)


14469441_1149049465158463_105083367208181984_n

Mostrando muita maturidade, a candidata à prefeita da Raposa pelo PRB-10, Ocileia Fernandes, provou para toda a Raposa e para o Maranhão inteiro que está mais que preparada para assumir o comando da Prefeitura de Raposa, nos próximos quatro anos.

Ocileia demonstrou uma habilidade natural para enfrentar, ao vivo, feras do jornalismo político, como os apresentadores do programa Resenha (TV Difusora), Clodoaldo Correa e Itevaldo Junior.

Ocileia Fernandes, defendeu investimentos no potencial turístico da cidade. Ela ressaltou que o investimento do poder público no potencial turísticos é essencial para que esta área que é geradora de emprego e renda possa propiciar melhorias a qualidade de vida da população da Raposa.

Para a Ocileia Fernandes, é necessário um planejamento envolvendo os diversos atores sociais na construção de uma ação centrada no desenvolvimento do turismo. Ocileia Fernandes acrescentou ainda que o programa de governo que ela apresenta ao eleitorado teve imensa participação popular.

A candidata do PRB informou ainda que pretende desenvolver na área da educação o investimento em duas escolas de tempo integral o que poderá a Raposa um modelo neste tipo de iniciativa para o Estado do Maranhão. Ainda na área da Educação, questionada sobre a questão da evasão escolar ela disse que este problema reflete também a confusão administrativa provocada pelo entra e sai de prefeitos, por conta de disputas judiciais ocorridas na cidade e isto resultou problemas na qualidade de ensino que se reflete no aumento da evasão escolar.

Questionada a respeito da denuncia de compra de votos por parte da campanha dela, Ocileia Fernandes afirmou que tudo isto reflete o clima de baixaria da campanha que tem motivado o surgimento de denúncias infundadas.

Além de Ocileia Fernandes, os outros candidatos a prefeitura da Raposa foram entrevistados ontem, com exceção de Talita Laci, candidata do PC do B, que não compareceu à entrevista. Pela ordem do sorteio, definida na presença de representantes de todos os candidatos ela seria a segunda entrevista.




sábado, 24 de setembro de 2016
img_5611

O titular da Secretaria Nacional da Pesca, que tem status de Ministério, visitou o município de Raposa, na tarde desta quinta-feira (15/09), à convite do Deputado Federal Cleber Verde(PRB).

O Ministro Dayvson Franklin, acompanhado do Superintendente Federal da Agricultura, Antônio José; Ricardo Gonçalves (ex- chefe do seguro-defeso do MTE); do Secretário Adjunto de Esporte de São Luis, Alisson Penha(PRB), presidente licenciada da Colônia de Pescadores de Raposa e Marciano Oliveira dos Santos, atual presidente da Colônia em exercício, entre outras autoridades, trouxe uma boa notícia aos pescadores e marisqueiras raposenses que dependem do Seguro Defeso para garantir o sustento das suas famílias.

O seguro-defeso é o beneficio garantido pelo Governo Federal aos pescadores durante o período de reprodução de algumas espécies - tempo em que a pesca é proibida por até 120 dias - e os segurados tem direito a receber até quatro parcelas do seguro.

Em seu pronunciamento, diante da classe pesqueira de Raposa, o ministro da pesca declarou que o primeiro município do Estado do Maranhão a ser visitado, foi Raposa.

"Em relação ao Seguro Defeso que ta se aproximando, não haverá suspensão do pagamento do SEGURO DEFESO para os pescadores. A Colônia de Raposa pode contar com a gente ", garantiu o ministro da pesca Dayvson Franklin.

A Secretaria da Pesca, com status de ministério, e foi integrada à pasta da Agricultura em 2015, foi levada à posição de Secretaria Especial, sendo novamente ligada à Presidência da República no governo Michel Temer(PMDB).

Andréa Sayre Gonçalves Coutinho, presidente licenciada da Colônia de Raposa, disse que a vinda do Ministro ao município de Raposa mostra o interesse da Presidência da República em melhor atender as necessidades do povo de Raposa. “É muito bom saber que a Raposa conta com todo este apoio e suporte em Brasília, tendo atenção redobrada do Ministério da Pesca aos pescadores de Raposa”, disse Andreia.

Para Alisson Penha, o compromisso do Ministério da pesca com os pescadores de Raposa é uma prioridade da pasta. Alisson e Andreia, constantemente têm se reunido com o Ministro em busca de melhorias para os pescadores de Raposa.

[caption id="attachment_1891" align="alignnone" width="643"]Marciano Oliveira dos Santos, atual presidente da Colônia em exercício... Foto: Nonato Aguiar/ Jornal Folha do Município Marciano Oliveira dos Santos, atual presidente da Colônia em exercício...
Foto: Nonato Aguiar/ Jornal Folha do Município[/caption]

[caption id="attachment_1890" align="alignnone" width="654"]Presidente licenciada da Colônia de Pescadores de Raposa, na ocasião presenteou o Ministro... Presidente licenciada da Colônia de Pescadores de Raposa, na ocasião presenteou o Ministro... Foto: Nonato Aguiar / Jornal Folha do Município [/caption]
sexta-feira, 23 de setembro de 2016
14470374_304160239939690_704708514049613214_n

Com as novas adesões de candidatos a vereadores e lideranças politicas vindas de outros partidos, tais como o vereador Laurivan(PMDB), Wenderson (PDT), Dunga (PTN), a candidata a prefeita de Raposa, Ocileia Fernandes(PRB10), vem ganhando forças, para vencer a eleição dia 2 de outubro.
O deputado estadual Junior Verde(PRB), esteve presente no município de Raposa, na tarde deste sábado(23), onde veio declarar apoio à candidatura de Ocileia à prefeitura de Raposa...
quinta-feira, 22 de setembro de 2016
Os rodoviários do Maranhão paralisaram as atividades na capital na tarde desta quinta-feira ,22, em virtude ao movimento nacional pela defesa dos direitos trabalhistas.  O horário previsto para o termino ficou para 18hrs.

2016-09-22-photo-00000265

O movimento está ocorrendo em todas as capitais do País. A principal motivação é a reinvidicação para que as propostas feitas sejam atendidas.

Os objetivos desse movimento são muito claros. Queremos sim, a retomada do crescimento econômico, priorizando a geração de empregos e distribuição de renda. Não podemos aceitar que o atual Governo Federal corte direitos dos trabalhadores. Não vamos permitir o aumento na jornada de trabalho, a redução de salários, muito menos, a implantação da terceirização no Brasil. Esperamos contar com o apoio dos Rodoviários e de toda a população de São Luís. Essa luta é de todos nós!”, enfatiza Isaías Castelo Branco, presidente do Sindicato dos Rodoviários do Maranhão.
caminhada-de-edivaldo-no-jardim-sao-raimundo-332

A 10 dias para o término das eleições no primeiro turno, o prefeito de São Luís e candidato à reeleição, Edivaldo Holanda Junior (PDT), foi recebido com muita festa, na tarde desta quinta-feira (22), pelos moradores do Jardim São Raimundo, durante a caminhada “Todos com Edivaldo”. Bandeiraço e a Charanga 12 animaram o ato de campanha, que contou, ainda, com a presença de candidatos a vereador e lideranças comunitárias.

A animação e o entusiasmo dos moradores teve como principal motivo os avanços, nas políticas públicas, implementadas no Jardim São Raimundo ao longo da gestão do prefeito Edivaldo. Todos queriam abraçar e agradecer o candidato à reeleição pela coligação “Pra Seguir em Frente” (PDT, PCdoB, DEM, PROS PTB, PSC, PRB, PTC, PEN, PR, PT e PSL) pelas benfeitorias realizadas no bairro.

“A gente vivia abandonado aqui no Jardim São Raimundo, na lama. Ele foi o único que chegou, viu e fez. Por isso, seria enorme ingratidão não votar em Edivaldo”, disse o comerciante Aldo Luís Mota. “Prefeito pra mim tem que ser bom, honesto e trabalhador. Meu prefeito é Edivaldo, meu voto é 12!”, afirmou a moradora Luiza Maria dos Santos.

Edivaldo, acompanhado de seu vice na chapa, Júlio Pinheiro, percorria de casa em casa, a fim de retribuir o carinho e o acolhimento da população do Jardim São Raimundo e áreas adjacentes da Região Tirirical, que abrange os bairros e comunidades de Cascavel, do Santa Bárbara e do Pontal da Ilha. Sempre atencioso, ele ouvia e conversava com cada morador.

“Queremos continuar avançando em melhorias para a população. Queremos fazer mais projetos para a cidade de São Luís. Mais habitações, BRT, ruas asfaltadas, saúde, educação, hospitais a serem entregues; e mais bairros urbanizados. Vote no 12 para seguirmos em frente”, disse Edivaldo.

caminhada-de-edivaldo-no-jardim-sao-raimundo-342

MULHERES – A coligação “Pra Seguir em Frente” convida a população ludovicense para a grande Caminhada das Mulheres “Todos com Edivaldo” que acontecerá, nesta sexta-feira (23), no Centro de São Luís. O ato de campanha é uma organização da Ação da Mulher Trabalhista do PDT. A concentração tem início, às 15h, na Praça João Lisboa e contará com a presença de várias lideranças femininas do estado do Maranhão.

A Ação da Mulher Trabalhista do PDT é um órgão que congrega as mulheres do partido, que ao longo dos anos lutam para a efetivação de um novo modo de construir a sociedade com a presença feminina. A participação das mulheres na política e, principalmente, nesta campanha para a reeleição do prefeito Edivaldo têm sido presença marcante nas caminhadas, nas carreatas, bandeiraço nas rotatórias e nos comitês de campanha.

mantega-sede-da-pf-em-sp


Ele saiu da sede da PF por volta das 14h sem falar com a imprensa. Moro revogou prisão e disse que não sabia sobre saúde da mulher.





Ele saiu da sede da PF por volta das 14h sem falar com a imprensa.




Do G1 São Paulo










Mantega foi preso por volta das 7h50 desta quinta-feira no hospital Albert Einsten, onde acompanhava sua mulher, que tem câncer, em um procedimento cirúrgico.

Para o advogado de Mantega, José Roberto Batochio, a revogação da prisão foi um ato de "legítima defesa da operação".

"Foi uma prisão desnecessária, absuvia, autoritária e sobretudo desumana pela 'coincidência' com a cirurgia da mulher", disse Batochio.

Para o advogado, a prisão foi revogada depois que a opinião pública se revelou contrária à prisão.


 

OPERAÇÃO ARQUIVO X

Mantega é alvo da Lava Jato



Moro afirmou que a Polícia Federal (PF), o Ministério Público Federal (MPF) e ele mesmo não tinham conhecimento do estado de saúde da mulher do Mantega, que tem câncer. O ex-ministro estava com a mulher no hospital Albert Einstein no momento da prisão.

A Polícia Federal afirmou que, nas proximidades do hospital, agentes ligaram para Mantega, que se apresentou espontaneamente na portaria. "De forma discreta e em viatura não ostensiva, o investigado acompanhou a equipe até o apartamento e, já tendo feito contato com seu advogado, foi então iniciado o procedimento de busca", diz trecho de nota oficial emitida pela Polícia Federal. (Veja a íntegra no fim da reportagem)

Segundo o advogado, ele quem sugeriu que Mantega se apresentasse no lobby do hospital para evitar que homens com "roupas pretas, tocas ninjas e metralhadoras entrassem no hospital e causassem tumulto".

"Quando ele foi procurado pela PF, a mulher estava pré-anestesiada e tinha saído do quarto. Ela estava em cima daquela maca rolante em direção ao centro cirúrgico e tocou o telefone dos policiais federais", disse Batochio.

Sergio Moro citou que foi informado que o ato foi praticado com discrição, sem ingresso no hospital. Para decidir pela liberação do ex-ministro, ele argumentou que as buscas começaram e que Mantega, uma vez solto, não deve oferecer riscos ou interferir na colheita das provas.

"Procedo de ofício, pela urgência, mas ciente de essa provavelmente seria também a posição do MPF e da autoridade policial. Assim, revogo a prisão temporária decretada contra Guido Mantega, sem prejuízo das demais medidas e a avaliação de medidas futuras", declarou o juiz.

Durante entrevista coletiva, na qual a força-tarefa detalhou a 34ª fase da Lava Jato, o procurador Carlos Fernando dos Santos Lima afirmou a prisão do ex-ministro teve como base “o fundamento foi a ordem pública”.

“Estamos falando de valores bilionários desviados dos cofres públicos”, disse. Ele afirmou que foi pedida a prisão preventiva do ex-ministro, mas o juiz recusou e deferiu prisão temporária. Carlos Fernando classificou de "coincidência infeliz" o fato de a prisão ter acontecido no momento em que Mantega acompanhava a mulher no hospital.

A prisão
Durante o cumprimento do mandado, nesta manhã, a PF foi até a casa de Mantega, mas o ex-ministro não estava. Ele estava no hospital Albert Einstein, no Morumbi, Zona Sul de São Paulo, onde a mulher passa por uma cirurgia. Do hospital, os policiais levariam Mantega até seu apartamento em Pinheiros, na Zona Oeste, para também cumprir um mandado de busca e apreensão.

eleicao

ELEIÇÕES 2016 NA RAPOSA - Quatro candidatos disputam a Prefeitura de Raposa -MA.
Ocileia(PRB10), Talita(PCdoB65), Eudes(PR22) e Mauricio(PSB40).
Até o dia 2 de outubro, dia das eleições municipais, a agenda desses candidatos deve estar cheia de compromissos. Já a campanha continua com bandeiraços, passeatas, carreatas e comícios.
RAPOSA tem 17.869- 0,388%. dos eleitores aptos a votar em seus candidatos.
De O Estado

paco-768x514

Pesquisa Escutec contratada pelo jornal O Estado e realizada em de Paço do Lumiar mostra que há menos de duas semanas para as eleições deste ano, o ex-prefeito Gilberto Aroso (PRB) lidera a corrida sucessória na cidade. Segundo o levantamento, se a votação fosse hoje ele teria 30,7%.

São quase sete pontos percentuais a mais que os obtidos pelo ex-deputado Domingos Dutra (PCdoB), que aparece em segundo, com 23,8% das intenções de voto. O terceiro colocado é o atual prefeito, Josemar Sobreiro (PSDB), que busca a reeleição, mas teria apenas 10,7% dos votos se a eleição fosse hoje.

Os três líderes são seguidos por Inaldo Pereira (PPL), com 8,7%; Raimundo Filho (PT), 3,3%; e Moraes Maninho (PCB), 1,5%.

Não sabem ou não responderam somaram 9,2% e, ainda, 12,2% disseram não votar em nenhum dos seis candidatos.

Expectativa

O instituto Escutec também apurou a expectativa de vitória em Paço do Lumiar, ao perguntar quem o eleitor acredita que será eleito no dia 2 de outubro, independentemente da sua preferência.

Nesse quesito Gilberto Aroso também aparece à frente, com 32%, seguido por Domingos Dutra (15,3%), Professor Josemar (10,2%), Inaldo Pereira (3,3%), Raimundo Filho (1%) e Moraes Maninho (0,5%).

No quesito rejeição, Professor Josemar é quem aparece na frente: 48,5% dos entrevistados disseram não votar nele de jeito nenhum. Domingos Dutra é o segundo mais rejeitado, com 13,3%, e Gilberto Aroso, que lidera em intenções de voto, tem apenas 9,8% de rejeição.

A pesquisa Escutec/O Estado foi realizada nos dias 17 e 18 de setembro, com 600 entrevistados. O registro na Justiça Eleitoral foi feito sob o protocolo MA­08845/2016. A margem de erro é de 3,5 pontos percentuais, para mais, ou para menos, e o intervalo de confiança é de 95%.
20150628175316145301a

34ª fase da operação cumpre 49 mandados em 5 estados e no DF. Ação apura fraude em construção de plataformas para explorar pré-sal.



Mandado é de prisão temporária para ex-ministro da Fazenda. Ele estava com a mulher, que passou por cirurgia no hospital Albert Einstein.




O ex-ministro da Fazenda Guido Mantega foi preso na manhã desta quinta-feira (22) em São Paulona 34ª fase da Operação Lava Jato. O mandado é de prisão temporária.

José Roberto Batochio, advogado de Guido Mantega, afirmou que policiais foram à casa do ex-ministro, em Pinheiros, na Zona Oeste da capital paulista, para cumprir mandados de busca e apreensão. Ele não soube dizer quais objetos foram apreendidos.

Depois, policiais foram ao hospital Albert Einstein, no Morumbi, Zona Sul de São Paulo, onde Mantega estava com a mulher, que passou por uma cirurgia.

"Ele está sendo retirado da sala de cirurgia por policiais nesse momento", disse Batochio ao G1 às 7h50.

Policiais federais estão nas ruas desde a madrugada desta quinta para cumprir mandados. As ordens judiciais estão sendo cumpridas em cinco estados e no Distrito Federal: São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Rio Grande do Sul e Bahia. A ação foi batizada de Operação Arquivo X.

Foram expedidos 33 mandados de busca e apreensão, oito de prisão temporária e oito de condução coercitiva, que é quando a pessoa é levada para prestar depoimento.

Em São Paulo são cumpridos 9 mandados: 2 de prisão e 7 de busca e apreensão - desses, 6 na capital e um em Sorocaba.

A atual fase investiga fatos relacionados à contratação pela Petrobras de empresas para a construção de duas plataformas (P-67 e P70) para a exploração de petróleo na camada do pré-sal, as chamadas Floating Storage Offloanding (FSPO´s).

Por meio de fraude do processo licitatório, corrupção de agentes públicos e repasses de recursos a agentes e partidos políticos responsáveis pelas indicações de cargos importantes da estatal, as empresas se associaram na forma de consórcio para obter os contratos de construção das duas plataformas, muito embora não possuíssem experiência, estrutura ou preparo para tanto, segundo a PF.

Ainda de acordo com a PF, durante as investigações verificou-se que, no ano de 2012, o ex-ministro da Fazenda "teria atuado diretamente junto ao comando de uma das empresas para negociar o repasse de recursos para pagamentos de dívidas de campanha de partido político da situação. Estes valores teriam como destino pessoas já investigadas na operação e que atuavam no marketing e propaganda de campanhas políticas do mesmo partido".

Segundo o Ministério Público Federal (MPF), Eike Batista, ex-presidente do Conselho de Administração da OSX, prestou depoimento e declarou que, em 1/11/2012, "recebeu pedido de um então ministro e presidente do Conselho de Administração da Petrobras" - Mantega - para que fizesse um pagamento de R$ 5 milhões, no interesse do Partido dos Trabalhadores (PT).

"Para operacionalizar o repasse da quantia, o executivo da OSX foi procurado e firmou contrato 20150628175316145301aideologicamente falso com empresa ligada a publicitários já denunciados na Operação Lava Jato por disponibilizarem seus serviços para a lavagem de dinheiro oriundo de crimes. Após uma primeira tentativa frustrada de repasse em dezembro de 2012, em 19/04/2013 foi realizada transferência de US$ 2.350.000,00, no exterior, entre contas de Eike Batista e dos publicitários", continua o MPF em nota.

33ª fase
A penúltima fase da operação foi deflagrada no dia 2 de agosto e foi batizada de Resta Um. O principal alvo foi a Queiroz Galvão, suspeita de fraudar licitações da Petrobras e de pagar propina para evitar investigações de uma CPI no Senado.

O ex-presidente da construtora Ildefonso Colares Filho e o ex-diretor Othon Zanoide de Moraes Filho foram presos preventivamente. Já Marcos Pereira Reis, que é ligado ao consórcio Quip, foi solto no dia 9 de agosto.

terça-feira, 20 de setembro de 2016

1474401116-191107910


PARALISAÇÃO NACIONAL - O SINTEMA deflagrou o estado de greve, mas analisa a possibilidade de uma greve geral.







SÃO LUÍS - Em assembleia geral realizada na tarde desta terça-feira (20), os trabalhadores em educação da Universidade Federal do Maranhão (UFMA) confirmaram a adesão da categoria ao movimento nacional de paralisação nas universidades federais, que foi aprovado entre os dias 7 e 9 de setembro. Além disso, o Sindicato dos Trabalhadores em Educação de 3º grau no Estado do Maranhão (SINTEMA) deflagrou o estado de greve com a realização de assembleias periódicas, que servirão para análise de uma greve geral.

Durante a assembleia, os sindicalistas debateram os itens aprovados pelo movimento nacional e foram informados por Ademar Sena, presidente do SINTEMA, que já foi solicitado o apoio da administração da UFMA à causa dos trabalhadores, assunto que deverá ser levado ao Conselho Universitário. De acordo com o diretor João Batista Jansen, será realizada nesta quinta-feira (22) a primeira reunião da Comissão de Segurança da UFMA, para debater as ações iniciais de combate à violência na universidade.

Mobilização

Na reunião, o SINTEMA também confirmou uma mobilização na manhã desta quinta-feira (22), às 7h30, no portão central de entrada da UFMA. O ato, aberto à comunidade universitária, reivindica a devolução de verbas para a educação superior pública, jornada nacional de trabalho por 30 horas semanais sem redução de salários e contra projetos que comprometem o orçamento das universidades federais.


[caption id="attachment_1843" align="alignnone" width="620"]Defesa de Lula citou 'histórico de perseguição e violação' (Foto: Nelson Antoine/FramePhoto/Estadão Conteúdo) Defesa de Lula citou 'histórico de perseguição e violação' (Foto: Nelson Antoine/FramePhoto/Estadão Conteúdo)[/caption]

Sérgio Moro aceita denúncia, e Lula torna-se réu na Operação Lava Jato. Ex-presidente praticou crimes em contratos com a Petrobras, diz denúncia. Mulher dele, Marisa Letícia, e outros seis também se tornaram réus...


O juiz federal Sérgio Moro, responsável pelos processos da Operação Lava Jato em primeira instância, aceitou nesta terça-feira (20) a denúncia oferecida pelo Ministério Público Federal (MPF) contra o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e outras sete pessoas.

Ele acolheu na íntegra a denúncia do MPF, feita na quarta (14), segundo a qual o ex-presidente cometeu crimes de lavagem de dinheiro e corrupção passiva. O juiz federal concedeu o prazo de dez dias para que os réus tomem conhecimento do processo e outros dez dias para que os advogados apresentem defesa prévia.

A denúncia abrange três contratos da OAS com a Petrobras e diz que R$ 3,7 milhões em propinas foram pagas a Lula.

Sem foro privilegiado, Lula terá de se submeter ao crivo da 13ª Vara Federal de Curitiba, de onde Moro toca, com mãos de ferro, os processos sobre o propinoduto na Petrobras – que já resultaram em 106 condenações e em mais de 38 bilhões de reais em pedidos de ressarcimento aos cofres públicos.

Lula passa a responder formalmente por mais duas acusações do rosário de suspeitas que pairam contra ele, desta vez pela imputação de ter recebido vantagens indevidas de pelo menos três contratos bilionários da construtora OAS, lavados por meio de uma reforma de luxo em um tríplex no Guarujá. Considerado o “comandante máximo” do petrolão pelo Ministério Público Federal, o ex-presidente derrete a aura da “viva alma mais honesta” que existe e cai na vala comum dos que devem prestar contas à Justiça. Lula já é réu na Justiça Federal do Distrito Federal sob a acusação de obstruir as investigações da Lava Jato. No despacho em que acolhe a denúncia, Sergio Moro destaca que “juízo de admissibilidade da denúncia não significa juízo conclusivo quanto à presença da responsabilidade criminal”. “Tais ressalvas são oportunas pois não olvida o julgador que, entre os acusados, encontra-se ex-Presidente da República, com o que a propositura da denúncia e o seu recebimento podem dar azo a celeumas de toda a espécie”, destacou o magistrado.

Além de Lula, também passam à condição de réus a ex-primeira-dama Marisa Letícia, o amigo do petista e presidente do Instituto Lula, Paulo Okamotto e outras cinco pessoas. Agora eles terão de apresentar provas, elencar testemunhas e tentar desmontar a tese de que o petista foi fundador de uma “propinocracia” no país e de que o tríplex foi pago com dinheiro da Petrobras. Assim que a denúncia foi apresentada, na quarta-feira passada, reagiu: “Provem uma corrupção minha que irei a pé para a prisão”.

Segundo as investigadores da Lava Jato, o ex-presidente recebeu, apenas no caso relacionado ao tríplex, benesses de 3,7 milhões de reais “oriundas do caixa geral de propinas da OAS com o PT”. Como ele é alvo de outras apurações no petrolão, incluindo os nebulosos pagamentos por palestras, por meio da L.I.L.S. Palestras, Eventos e Participações, as vantagens indevidas devem ser confirmadas em escala exponencial. Dos cerca de 55 milhões de reais que o Instituto Lula e a L.I.L.S. receberam de empresas, mais de 30 milhões de reais foram repassados diretamente por empreiteiras enroladas com o escândalo na Petrobras. E mais: Lula, que não foi denunciado por organização criminosa pela força-tarefa da Lava-Jato em Curitiba, é alvo de uma investigação sobre o tema em um inquérito no Supremo Tribunal Federal (STF).
segunda-feira, 19 de setembro de 2016
Multidão seguindo Luis Fernando em Ribamar...
Multidão seguindo Luis Fernando em Ribamar…
Por onde passa o candidato da coligação “Aliança Democrática Ribamarense”, Luis Fernando Silva (PSDB), reúne muita gente esperançosa e confiante com sua eleição para prefeito de São José de Ribamar.

Na última sexta-feira (16) milhares declararam apoio a Luis Fernando num comício histórico realizado na Vila Flamengo, bairro localizado na Região das Vilas, onde o tucano iniciou efetivamente sua vida política, antes de ser candidato pela primeira vez à prefeitura ribamarense.

Num comício emocionante e vibrante, Luis Fernando, o candidato à vice, Eudes Sampaio (PTB), e os candidatos ao Legislativo Municipal, apresentaram suas propostas para a reconstrução de São José de Ribamar.

Luis Fernando prestigiado por ribamarenses
Luis Fernando prestigiado por ribamarenses
“Não podemos admitir que a Região das Vilas, que tem tanta gente, com seus 28 bairros, esteja tão abandonada desse jeito”, desabafou Luis Fernando. Ele lembrou que em 2004 quando se candidatou a prefeito pela primeira vez (e foi eleito), fez uma carreata passando por várias ruas das Vilas, a grande maioria sem um palmo de asfalto e, as poucas que tinham, estavam totalmente destruídas. Mas, mesmo assim, foi possível fazer a histórica carreata.

“Naquele momento muitas pessoas me pediram que eu asfaltasse essas ruas. Do microfone eu gritava que em quatro anos faríamos uma nova carreata sem passar num palmo de terra e assim aconteceu: em 2008 fizemos o mesmo trajeto com essas ruas totalmente asfaltadas”, rememorou o candidato.

Porém, muito triste, atualmente, Luis Fernando anunciou que no próximo dia 24 fará outra carreata, mas sem poder fazer o mesmo percurso por contas das ruas, incluídas no trajeto, estarem totalmente destruídas, inviáveis para o evento dessa magnitude e tão esperado por seus eleitores da região.

“Faremos outra carreata, mas não poderemos passar nas Vilas pela falta de respeito dessa administração que deixou tudo isso acabar. No entanto, essa pouca vergonha tem data para acabar, será no dia 31 de dezembro. Já no dia 1º de Janeiro de 2017 estaremos dando os primeiros passos para que São José de Ribamar volte a ser o que era”, garantiu Luis Fernando.

Na atividade “Chegou Chegando”, nos bairros de Itapari e Panaquatira, na manhã do último sábado, mais uma multidão acompanhou Luis Fernando numa caminhada pela avenida na qual ele aproveitou para abraçar os moradores do bairro e firmar compromisso de construir um novo momento político e administrativo para São José de Ribamar a partir da sua tão esperada eleição no dia 2 de outubro.
edivaldo2edivaldoO apoio dos moradores do bairro João de Deus à reeleição do prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda Junior (PDT), foi manifestado durante uma grande caminhada “Todos Com Edivaldo”, ocorrida nesta segunda-feira (19), pelas ruas do bairro. Uma multidão acompanhou o cortejo, como forma de retribuir Edivaldo as políticas públicas incrementadas em São Luís.

A cada rua em que a caminhada “Todos com Edivaldo” passava, os moradores do João de Deus e áreas adjacentes corriam em direção de Edivaldo e do vice na chapa, Júlio Pinheiro (PCdoB) ou mesmo ficavam esperando em suas residências. A cada encontro um abraço, uma palavra, um agradecimento, um beijo, um pedido, um acolhimento, uma foto.

“Tem sido assim nas nossas caminhadas. Um momento especial, que muito tem me dado a certeza de que estamos no caminho certo e continuarmos avançando para uma São Luís cada vez melhor. Dia 2 de outubro votem prefeito Edivaldo, meu número é 12”, enfatizava Edivaldo, durante as conversas com os eleitores.

No João de Deus, a concentração começou por volta das 16h, no Conjunto Santos Dumont, onde militantes, candidatos a vereador e lideranças comunitárias e políticas se juntavam aos populares. A maioria destacava os avanços feitos na gestão do prefeito Edivaldo e sua postura política.

“Só não vota em Edivaldo quem não conhece o trabalho realizado por ele. Fez muito aqui pelo bairro e vai continuar fazendo”, afirmou Domingos Silva. “É um político sério, honesto, que tem mostrado serviço mesmo com todas as dificuldades. Trabalhador e competente”, acrescentou Márcia Cristina.

Para Júlio Pinheiro, vice na chapa da coligação “Pra Seguir em Frente” (PDT, PCdoB, DEM, PROS PTB, PSC, PRB, PTC, PEN, PR, PT e PSL), a recepção calorosa no bairro João de Deus, e comunidades próximas, dão força na reta final de campanha. “Precisamos desta energia e carinho que a população tem nos transmitido. Edivaldo tem mostrado o que fez por São Luís e os ludovicenses reconhecem o seu trabalho e querem que ele continue na Prefeitura”.
9ce5ee57-2111-425a-a5ce-6b84c75b4801

As zonas eleitorais de São Luís começam no dia 22 de setembro a realizar as audiências de carga e lacre das 2.228 urnas eletrônicas que serão usadas durante as eleições 2016. Já a geração das mídias por todas as zonas eleitorais da capital ocorrerá no dia 21.

Dar carga e lacre significa inserir nas urnas todas as informações dos eleitores aptos a votar e dos candidatos que estão concorrendo. Após este procedimento, elas são lacradas e o seu uso fica programado para acontecer apenas no dia 2 de outubro, a partir das 8h.

De acordo com o cronograma, as audiências ocorrerão entre os dias 22 e 27 de setembro, no Fórum Eleitoral (Madre Deus), obedecendo ao seguinte cronograma:

22/09 – 2ª, 3ª e 10ª zonas eleitorais;
23/09 – 1ª e 89ª zonas eleitorais;
26/09 – 76ª, 90ª e 91ª zonas eleitorais;
27/09 – 88ª zona eleitoral.

As urnas de São José de Ribamar e Paço do Lumiar receberão carga e lacre nos dias 21 e 23 de setembro, respectivamente, também nos fóruns eleitorais de ambas as cidades.

img_5711

img_5809

Ocileia é recebida com muita alegria pelos moradores da Pirâmide em Raposa-Ma.



A candidata do PRB, à prefeitura de Raposa, Ocileia Fernandes e o vice Osmar do Feirão, nesse ritmo de campanha que vão levando tem tudo pra vencerem a eleição dia 2 de outubro.



Ocileia e suas lideranças fizeram mega bandeiraço, sendo ela muito bem recebida pelos moradores da Pirâmide, no domingo(18).

A candidata a prefeita e o vice, e os candidatos a vereadores, lideranças jovens e parte da sua militância andaram nas Avenidas 1 e 2 do bairro Pirâmide, onde Ocileia fez panfletagem, pediu votos e foi recebida com carinho pelos moradores.

Já no começo da noite, antes de encerrar o bandeiraço, a candidata a prefeita Ocileia reuniu o povo e fez seu discurso.

Ocileia disse ao povo, "estar com seu coração apertado e indignada com essa politica suja que a oposição vem fazendo."

"E essa politica suja, ela não é contra mim, é contra o povo de Raposa," disse ela.

"É um grupo do mal que age da forma mais sórdida possível. Que arma situações que não existem! Inclusive eu quero dizer a vocês que nessa cidade tem duas candidatas, porque o terceiro candidato é laranja, laranja pra prejudicar a nossa candidatura. O povo que sempre acreditou na família Paraíba, eu peço, os funcionários que estão ali amordaçados venham para o 10 aqui é acasa de vocês. É aqui que vocês terão oportunidade!

 E eu peço a cada um de vocês muita coragem, muita fibra, vamos conquistar cada dia mais um, porque a vitória será nossa, a vitória será do povo de Raposa.

A Raposa precisa de uma educação de qualidade pra nossos filhos, de saúde, de ruas asfaltadas e calçadas. Precisa de respeito, de segurança, precisa de geração de emprego e renda, e é o 10 que vai fazer tudo isso! Porque vai administrar para o povo e vai administrar junto com o povo! Então eu peço a vocês, vamos fazer uma corrente forte, vamos fazer uma corrente do bem, porque esse grupo aqui é o grupo da família, é o grupo da paz, é um grupo do bem. É o grupo que quer ver o melhor pra nossos filhos. Vamos unir forças a cada dia mais, porque a vitória é nossa e muito obrigado. Dia 25 é o nosso comício e dia 30 é a nossa carreata da vitória, porque dia 2 será concretizada a vitória do povo de Raposa," declarou Ocileia - candidata a prefeita de Raposa.

img_5717

img_5748


sábado, 17 de setembro de 2016

BATEU O DESESPERO - Diante do crescimento da candidata do PRB10 Ocileia Fernandes, a oposição forja áudios na tentativa de prejudicar a mesma.



No entanto, a prática já conhecida do grupo 65 não tem surtido efeito e a candidata segue firme na preferencia do povo raposense.

Segundo informou a candidata do PRB10 ao titular desse blog, "já estão sendo tomadas as medidas legais cabíveis no sentido de chegar aos responsáveis por tão sórdida armação."

"Armação essa que vem comprovar o desespero e a forma suja de agir como sempre tem sido em todas as campanhas politicas," detonou Ocileia Fernandes - candidata a prefeita de Raposa.

14079731_1791440701140583_5245074733316038705_n


1474061673-537663734

Jornal O Estado do MA – A pesquisa Escutec/O Estado divulgada hoje confirma a tendência de polarização apresentada semana passada entre o prefeito Edivaldo Júnior (PDT) e o deputado estadual Wellington do Curso (PP) na disputa pela Prefeitura de São Luís. De acordo com o levantamento, Edivaldo tem agora 35,8% das intenções de voto, contra 26,3% registrados para Wellington. A deputada Eliziane Gama (PPS) mantém a terceira colocação, mas agora com 11,5%.

Os novos números da Escutec, colhidos entre os dias 14 e 16 de setembro, com 800 eleitores na capital, revelam o crescimento do prefeito Edivaldo Júnior e Wellington do Curso entre esta e a semana passada. Edivaldo cresceu 2,3 pontos percentuais, contra um crescimento de 4 pontos percentuais de Wellington. Eliziane caiu mais 4,3 pontos percentuais.

O levantamento da Escutec, registrado na Justiça Eleitoral sob o número de protocolo nº MA-3067/2016, registrou também que o candidato do PMN, Eduardo Braide, tem a quarta colocação, com 4,6%; Em seguida vem o vereador Fábio Câmara, com 3,5% e Rose Sales (PMB), com 2,9% das intenções de voto.

Os candidatos Zeluis Lago (PPL) e Cláudia Durans (PSTU) registram 0,5% cada um. Valdeny Barros chega a 0,4%.

O número de eleitores que não sabem ou não respondem em quem votar agora está em 9%; outros 5,1% disseram que não votam em nenhum dos candidatos apresentados.

A margem de erro da pesquisa é de 3 pontos percentuais, para mais ou para menos.

2º turno

O Instituto Escutec também ouviu os eleitores de São Luís obre um eventual segundo turno. Se a disputa for entre Edivaldo Júnior e Wellington do Curso, Edivaldo venceria, por 42,9% dos votos, contra 39,6% dados ao candidato do PP. Aplicando a margem de erro, de 3 pontos percentuais, pode-se afirmar que Edivaldo e Wellington estão tecnicamente empatados em uma simulação de segundo turno.

Se a disputa de Edivaldo fosse com a deputada Eliziane Gama, o prefeito seria eleito com 50,4% contra 22% dados à candidata do PPS. Eliziane perderia a eleição também para Wellington do Curso: 53,1% a 19,4%.

O Instituto Escutec tem ainda outras duas pesquisas sobre as intenções de voto em São Luís. No dia 24 de setembro será divulgada a quarta rodada desta série. E no dia 1º de outubro, um dia antes da eleição, deve ser divulgada o que se chama de pesquisa de boca-de-urna, com uma simulação de votos válidos.

Edivaldo reduz rejeição e já não é mais o primeiro neste quesito

O prefeito Edivaldo Júnior reduziu drasticamente a sua rejeição nas últimas semanas, caindo da casa dos 40% para 24,8% de eleitores que declaram não votar nele de jeito algum. Ele já não é o mais rejeitado, posto agora ocupado por Eliziane Gama, com 25,3%.

Mas a rejeição de Edivaldo ainda é quatro vezes maior que a do segundo colocado, e Wellington do Curso, hoje com 6,3%, segundo a Escutec. À frente dele está Fábio Câmara, com 7,9% de rejeição.

Ainda de acordo com a Escutec, Zeluis Lago tem 3,8% de rejeição; Rose Sales aparece com 2,3% de eleitores que não votam nela em hipótese alguma e Eduardo Braide registra 1,3%. Cláudia Durans tem 1% de rejeição e Valdeny Barros aparece com 0,4%, o menos rejeitado de todos os candidatos.

Outros 13,4% declaram não votar em nenhum deles e outros 13,9% não quiseram ou não souberam responder.

A pedido do jornal O Estado, o Instituto Escutec fez, pela primeira vez, uma simulação de cenário em São Luís com os votos considerados válidos (ignorando os eleitores que não responderam ou que declaram não votar em nenhum dos candidatos. Neste cenário, Edivaldo estaria hoje a 8,4 pontos percentuais de decidir a eleição no primeiro turno.

O prefeito tem 41,6% dos votos válidos, segundo Escutec, contra 30,6% dados a Wellington do Curso. Para vencer no primeiro turno, Edivaldo precisa ter mais de 50% dos votos válidos. Nos últimos dias, a campanha do pedetista reforçou a militância para tentar alcançar este patamar e evitar um confronto direto com Wellington do Curso, hoje o seu mais próximo adversário. Hoje, a diferença entre os dois é de exatos 11 pontos percentuais.

Recuperação

Mas a vida de Wellington do Curso não deve ser mole na disputa com a deputada Eliziane Gama, que ainda acredita em uma possível recuperação na reta final do primeiro turno. A candidata do PPS tem 13,4% dos votos válidos, ou 17,2 pontos percentuais atrás do candidato do PP.

Para sonhar com o segundo turno, Eliziane precisaria estancar sua queda e apostar numa perda de votos de Wellington, sobretudo com as críticas que o adversário passou a receber nos últimos dois dias – e que devem aumentar nas próximas semanas.

Enfrentando bombardeio de Eliziane Gama, que chegar ao segundo, Wellington pode perder pontos significativos. Mas ainda assim, faltando exatos 15 dias para o pleito, a deputada precisaria reduzir esta diferença a um ritmo de mais de 1 ponto percentual por dia até o dia 2 de outubro.
quinta-feira, 15 de setembro de 2016
ator

Domingos Montagner, de 'Velho Chico', morre aos 54 anos. Corpo do ator paulistano foi encontrado preso nas pedras, em Sergipe.
Ele estava acompanhado de Camila Pitanga quando foi tomar banho de rio.

A Rede Globo confirmou há pouco a morte do ator Domingos Montagner, da novela “Velho Chico”.

Ele havia desaparecido no Rio São Francisco, em Canindé do São Francisco, no Alto Sertão de Sergipe, na tarde desta quinta-feira (15). O acidente aconteceu por volta de 14h30, na divisa entre os estados de Alagoas e Sergipe.

No momento do ocorrido, a atriz Camila Pitanga chegou a ver o colega afundando, e pediu socorro. Mas o pessoal ao redor achava tratar-se de gravação de uma cena da novela.

“Camila Pitanga gritou para avisar o sumiço, mas todos acharam que era uma cena da gravação. Ela estava desesperada, em cima de uma pedra, dizendo que a água o levou. No começo, não dava para entender o que ela dizia, mas depois a gente percebeu que algo ruim tinha acontecido”, disse Josivânia Maria de Araújo Domingos, proprietária do restaurante Caçoá, situado na praia em que os atores mergulharam, à reportagem da Agência Estado.
caminhada

Os moradores do Residencial Paraíso já decidiram pela reeleição do candidato à Prefeitura de São Luís, Edivaldo Holanda Junior (PDT). A manifestação de apoio ficou comprovada quando da participação de uma multidão durante a caminhada “Todos com Edivaldo”, ocorrida na tarde desta quarta-feira (14), no bairro. O ato de campanha contou ainda com a presença do vice chapa, Júlio Pinheiro (PCdoB) e lideranças políticas e comunitárias da área do Itaqui-Bacanga.

A aglomeração dos populares, militantes e candidatos a vereador teve início por volta das 16h, na avenida Paraíso – próximo ao posto de Saúde. Pessoas de todas as idades se deslocavam de suas residências, ou até mesmo de comércios, a fim de conversar e agradecer o atual prefeito de São Luís, pelos avanços nas políticas públicas desenvolvidas no Residencial Paraíso e Região do Itaqui-Bacanga.

caminhada1

O candidato da coligação “Pra Seguir em Frente” (PDT, PCdoB, DEM, PROS PTB, PSC, PRB, PTC, PEN, PR, PT e PSL), Edivaldo, explicou que foram feitas muitas ações, ao longo de sua gestão, na área do Itaqui Bacanga. E ressaltou contar com os votos dos eleitores do Residencial Paraíso com o objetivo de continuar avançando com muito trabalho e planejamento.

“Venho pedir seu voto no 12 para que o trabalho continue e realizemos ainda mais ações. Não foi fácil chegar até aqui, mas superamos vários obstáculos nesses três anos e meio e avançamos. Com mais esse voto de confiança dos moradores do Itaqui-Bacanga, do Residencial Paraíso, continuaremos seguindo em frente para beneficiar a nossa população”, disse Edivaldo.

Para a dona-de-casa Zélia Maria da Silva, 48 anos, moradora da rua da Mangueira, o prefeito Edivaldo provou que merece ser reeleito, por ser um político honesto e que honra seus compromissos. “Sempre vem aqui no nosso bairro de cabeça erguida e todos vão cumprimentá-lo pelo seu trabalho. Votei nele na primeira vez e votarei de novo”, enfatizou.

A maioria dos moradores faz questão de lembrar que Edivaldo foi o único gestor que “olhou” para os problemas do Residencial Paraíso e toda a Região do Itaqui-Bacanga. “Foi e é o melhor prefeito de São Luís, porque fez e vai fazer muito mais”, destacou Mauro Costa, 30 anos.
rosa

Decisão vale para cidades de João Lisboa, Buritirana e Senador La Rocque. Consulta popular seria realizada no dia 2 de outubro.

A consulta popular que seria realizada no dia 2 de outubro concomitante às eleições 2016 nos municípios de João Lisboa, Buritirana e Senador La Rocque acerca de desmembramento e anexação de povoados está suspensa por liminar concedida pela ministra Rosa Weber do Tribunal Superior Eleitoral no Mandado de Segurança 0601483-51.2016.6.00.0000, impetrado pelo município de João Lisboa.

Em sua decisão, a ministra registrou: é “firme a jurisprudência deste Tribunal Superior Eleitoral no sentido de que, ‘enquanto não editada a lei federal prevista no artigo 18 da Carta da República, revela-se imprópria a realização de plebiscito visando a definir criação, incorporação, fusão ou desmembramento de município’, isso porque ‘não se justifica a realização de gastos e dispêndio de recursos com consulta popular que, pelo não advento da lei complementar federal, não poderia alcançar seu fim último em razão da inconstitucionalidade de eventual lei estadual’, ausente, portanto, utilidade concreta na realização da consulta plebiscitária, cuja homologação, ao final, tem sido inadmitida por esta Corte Superior”.

Projeto de Decreto Legislativo de autoria da deputada Valéria Macedo estabelece consulta às populações dos povoados Tabuleirão I, Centro dos Machados, Açaizal Grande, Cajá Branca, Olho D’água, Jenipapo, Novo Horizonte, Parsondas, Araparí, Centro do Zezinho, Centro do Toinho e projetos de assentamento Pingo de Ouro, Lagoa da Cigana, Alvorada I e Alvorada III sobre o desmembramento e anexação aos municípios de Senador La Rocque, Buritirana e João Lisboa.

Segundo explica a parlamentar, em 2001, a Assembleia Legislativa, que era presidida pelo deputado Manoel Ribeiro, aprovou Projeto de Lei de autoria do ex-deputado Hélio Soares que fez a anexação dos referidos povoados ao município de Senador La Rocque. Porém, em 2009, o TJMA anulou a Lei Estadual n.º 265/2001 e as referidas localidades ficaram sem vínculo legal com nenhum dos três municípios.
quarta-feira, 14 de setembro de 2016
ambulancia-batida

RAPOSA: Olha só estado em que se encontra a única ambulância do Município de Raposa, na gestão do prefeito Clodomir Santos. Só uma ambulância. Isso é uma vergonha!
Na saída da Rua do Hospital ao lado do Mercadão Rodrigues, a ambulância ta batida e sem as minimas condições de funcionamento. Uma lástima...
Segundo informações, "o outro veículo envolvido foi um caminhão pipa da empresa Edencosil, que está trabalhando nas obras de asfalto do governo do estado, no município de Raposa...
Se já estava ruim, agora ficou pior ainda...
Devemos lembrar que acidentes acontecem. Não se sabe ainda se no momento em que aconteceu o acidente, a ambulância transportava pacientes.
Com a palavra o prefeito Clodomir Santos...


ambulancia

Contatos

Whatsapp: 98-988916524


E-mail: folhadomunicipio@hotmail.com

Facebook

Rádio Timbira

banner: radio timbira

Navigation