quinta-feira, 25 de agosto de 2016
edivaldo-2-1

O candidato à reeleição a Prefeitura de São Luís, Edivaldo Holanda Junior, e o seu vice na chapa, Júlio Pinheiro, participaram na tarde desta quinta-feira (25), no Vinhais, da mega caminhada “Todos com Edivaldo”. Depois de mais um evento marcado com a participação popular, os candidatos seguiram a pé até a Curva do 90, onde inauguram a sede do Comitê Central.

Na caminhada do Vinhais, que teve início às 16h, com concentração no Farol da Educação, repetiu-se o que vem acontecendo nas caminhadas anteriores. Um clima de festa cívica tomou conta dos moradores, que saem de suas residências e vão ao encontro de Edivaldo, a fim de conversar sobre questões que envolvam o bairro ou mesmo agradecer pelos avanços realizados na sua gestão.

“Temos trabalhado desde o início que chegamos na Prefeitura. Não foi fácil chegar até aqui. Tivemos muitas dificuldades, mas com bom planejamento, responsabilidade, hoje estamos colhendo os bons frutos. E tanto carinho que recebo nas caminhadas que vejo que estamos no rumo certo”, afirmou Edivaldo.

Para o candidato a vice-prefeito pela coligação “Pra Seguir em Frente” (PDT, PCdoB, DEM, PROS PTB, PSC, PRB, PTC, PEN, PR, PT e PSL), Júlio Pinheiro, por ter avançado em várias ações no Vinhais e, principalmente, em toda a cidade, Edivaldo tem o respaldo da população para conseguir se reeleger. “Basta ver in loco o afeto e carinho com que é recebido nas caminhadas que realizamos”, disse.

edivaldo (3)

Comitê Central – Edivaldo e Júlio, acompanhado de candidatos a vereador e dezenas de militantes e moradores do Vinhais – após percorrerem cerca três quilômetros de caminhada – chegaram a pé na Curva do 90 (sentido-Vinhais/Cohafuma), onde inauguraram o Comitê Central de campanha da coligação “Pra Seguir em Frente”.

“Neste espaço todos serão bem-vindos e poderão levar nosso material de campanha para distribuir nos bairros. Quero agradecer a presença de todos nessa abertura do nosso Comitê Central da coligação “Pra Seguir em Frente. Vamos seguindo em frente rumo à vitória”, enfatizou Edivaldo.

No local o eleitor, militante ou simpatizante de Edivaldo terá acesso a todo material de divulgação. Também foi montado um call center, uma central de atendimento que enviará mensagens sobre a agenda do candidato e atenderá quaisquer dúvidas referente as eleições.

Além de funcionar como local oficial de distribuição de material, o espaço contará com uma equipe de adesivação de veículos, que atenderá das 8h às 22h. Todos os adesivos estarão de acordo com o que determina a nova legislação eleitoral.
[caption id="attachment_1514" align="alignnone" width="615"]Dilma Rousseff, afastada da Presidência há mais de três meses, está a poucos dias de saber o resultado final do impeachment Dilma Rousseff, afastada da Presidência há mais de três meses, está a poucos dias de saber o resultado final do impeachment[/caption]

O julgamento do processo de impeachment da presidente afastada Dilma Rousseff começa nesta quinta-feira (25) com o depoimento de testemunhas. Serão ouvidas inicialmente as duas testemunhas arroladas pela acusação: o procurador do Ministério Público no Tribunal de Contas da União (TCU),  Júlio Marcelo de Oliveira, e o auditor do TCU Antônio Carlos Costa D'Ávila.

Em seguida, a previsão é de que sejam ouvidas duas das seis testemunhas arroladas pela defesa. Os advogados de Dilma Rousseff convocaram o ex-ministro da Fazenda Nelson Barbosa, o economista Luiz Gonzaga Belluzzo, a ex-secretária de Orçamento Federal Esther Dweck, o ex-secretário executivo do Ministério da Educação Luiz Cláudio Costa, o professor de direito da Universidade Estadual do Rio de Janeiro (Uerj) Ricardo Lodi Ribeiro e o professor de direito da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) Geraldo Prado.

Amanhã (26) deverão ser ouvidas as quatro últimas testemunhas. Se não houver tempo de ouvir as quatro primeiras até a noite de hoje, os depoimentos de uma parte delas podem ser transferidos para esta sexta, fazendo com que a primeira fase do julgamento seja concluída somente no fim de semana.

Os senadores poderão fazer perguntas à vontade, mas os líderes da base aliada do presidente interino Michel Temer já orientaram os demais parlamentares a evitar perguntas repetidas e a dar preferência para as lideranças partidárias, de modo a tentar agilizar os depoimentos.

Na segunda-feira (29),  às 9h, começará o depoimento da presidente afastada Dilma Rousseff. Ela poderá falar livremente por 30 minutos e depois ficará à disposição para responder às perguntas dos senadores.

Após o depoimento de Dilma, começará o debate entre a defesa e a acusação.  Os advogados da acusação começarão falando por uma hora e 30 minutos. Depois será a vez de a defesa falar por igual período. Pode haver ainda réplica e tréplica de uma hora cada.

Na terça-feira (30), os senadores devem começar a discutir se Dilma praticou crime de responsabilidade. Cada um dos inscritos terá 10 minutos para falar, sem direito a prorrogação.

Ao final, o presidente do Supremo Tribunal Federal, Ricardo Lewandowski, questionará os parlamentares se eles consideram que a presidente afastada cometeu crime de responsabilidade por editar decretos de suplementação orçamentária e por tomar empréstimo de instituição comandada pela União. Dois senadores favoráveis e dois contrários farão encaminhamentos por cinco minutos cada e o painel será aberto para a votação.

A votação será aberta e nominal. A expectativa é de que o resultado seja divulgado na noite de terça, mas o julgamento pode se prolongar até quarta-feira.
Investida

Temer

Em semana decisiva para o processo de impeachment de Dilma Rousseff, o presidente em exercício, Michel Temer (PMDB), resolveu agir e garantir o voto dos três senadores da bancada do Maranhão. Em reunião no Palácio do Planalto, o peemedebista tratou de um projeto muito caro aos senadores maranhenses, a criação de uma zona de exportação no Porto do Itaqui, em São Luís.

A conversa foi uma reação à investida de Dilma, que também nessa semana teria negociado a reorganização de coligações do PT no Maranhão para as eleições municipais, a pedido dos senadores João Alberto Souza (PMDB-MA) e Roberto Rocha. Os senadores negam a movimentação.

Urnas

urnasdejesus

As 19 mil e 947 urnas eletrônicas que serão usadas durante as Eleições 2016 no Maranhão começaram no dia 11 de agosto a ser distribuídas para as 111 zonas eleitorais pelo Tribunal Regional Eleitoral, partindo de depósito localizado no Fórum da capital.

Os equipamentos já foram recebidos em 44 zonas eleitorais, o que representa 38% do total e a Coordenadoria de Logística prevê conclusão da entrega para o dia 9 de setembro. Das zonas, elas seguem para os 217 municípios maranhenses e só são levadas para os locais de votação na véspera da eleição, já lacradas e programadas para uso apenas a partir das 8h do dia 2 de outubro, quando são emitidos relatórios comprovando que não há votos registrados em nenhuma delas.

Julgamento



O julgamento do processo de impeachment da presidenta afastada Dilma Rousseff começa hoje (25) às 9h com o depoimento de testemunhas. Serão ouvidas inicialmente as duas testemunhas arroladas pela acusação: o procurador do Ministério Público no Tribunal de Contas da União (TCU), Júlio Marcelo de Oliveira, e o auditor do TCU Antônio Carlos Costa D’Ávila.

Em seguida, a previsão é de que sejam ouvidas duas das seis testemunhas arroladas pela defesa. Os advogados de Dilma Rousseff convocaram o ex-ministro da Fazenda Nelson Barbosa, o economista Luiz Gonzaga Belluzzo, a ex-secretária de Orçamento Federal Esther Dweck, o ex-secretário executivo do Ministério da Educação Luiz Cláudio Costa, o professor de direito da Universidade Estadual do Rio de Janeiro (Uerj) Ricardo Lodi Ribeiro e o professor de direito da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) Geraldo Prado.

Cobrança

A Secretaria de Estado da Fazenda (Sefaz) emitiu 1.287 autos de infração, cobrando R$ 86 milhões de 1.243 empresas maranhenses que cometeram diversas infrações fiscais à legislação do Imposto de Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS). No valor cobrado já está incluído o valor das multas pela infração e os demais acréscimos moratórios devidos pelos contribuintes

A cobrança resulta de venda de gado sem o pagamento do ICMS, diferenças encontradas no faturamento na venda de mercadorias informado pelas administradoras de cartão de crédito, diferença de alíquota em entradas interestaduais de mercadorias, operações de exportação não comprovadas, serviços de transportes sem documento fiscal e outras infrações fiscais.

TAC

Em 5 de agosto, a Promotoria de Justiça da Comarca de Cândido Mendes celebrou Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) com a Prefeitura de Godofredo Viana para regularizar o fornecimento da merenda para os alunos da rede municipal de ensino.

Assinaram o acordo o promotor de justiça Márcio Antonio Alves de Oliveira; o prefeito Marcelo Jorge Torres; a secretária municipal de Planejamento, Administração e Finanças, Gihan Ayoub Jorge Torres; o secretário municipal de Educação, Argelino Moura Correia e a procuradora do Município, Ghirlayne Ferreira Vitoriano.

Decisão

m_24082016_1046

Em decisão liminar, o juiz titular da Vara de Interesses Difusos e Coletivos da Capital, Douglas de Melo Martins, estabeleceu o prazo de 120 dias para que o Governo do Estado e a RMC Comércio e Representações Ltda, empresa responsável pela administração da Rodoviária de São Luís, promovam as necessárias reformas e adaptações nas instalações do terminal, conforme laudo pericial do Corpo de Bombeiros Militar do Maranhão. O não cumprimento acarretará multa diária de R$ 1.000,00.

A decisão judicial resulta de Ação Civil Pública, impetrada pelo Ministério Público do Estado, por meio da Promotoria de Justiça Especializada do Controle Externo da Atividade Policial, baseada em Laudo de Exigências do Corpo de Bombeiros, que apontou falhas nos sistemas de extintores e de hidrantes, inexistência de estrutura de proteção contra descargas atmosféricas e falta de canalização preventiva.
Lobão

O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, pediu nesta quarta-feira (24) ao Supremo Tribunal Federal (STF) o arquivamento de um dos inquéritos da em andamento na Operação Lava Jato que investiga o senador Edison Lobão (PMDB-MA).

O pedido será analisado pelo ministro Teori Zavascki, relator da Lava Jato no STF.

O inquérito, aberto em março do ano passado, se baseia na delação premiada do ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa, que afirmou que Lobão recebeu R$ 1 milhão em dinheiro desviado da estatal.

No documento, Janot diz que não há indícios mínimos que justifiquem a continuidade da investigação contra Lobão.

O senador é alvo de outros quatro inquéritos no Supremo: um que apura fraudes na Eletrobras; outro sobre irregularidades na obra de Belo Monte; um terceiro que trata sobre fatos envolvendo a ex-governadora Roseana Sarney; e outro que visa apurar se Lobão integrou a organização criminosa formada por políticos e empresários para fraudar contratos na Petrobras.

Da TV Globo


[caption id="attachment_1503" align="alignnone" width="620"]Bombeiro trabalha nas ruínas de uma casa que desmoronou após o terremoto em Amatrice, na Itália, na quarta (24) (Foto: Reuters/Stefano Rellandini) Bombeiro trabalha nas ruínas de uma casa que desmoronou após o terremoto em Amatrice, na Itália, na quarta (24) (Foto: Reuters/Stefano Rellandini)[/caption]

Número de mortos não é definitivo e pode aumentar. Equipes de resgate seguem buscando por sobreviventes.

O número de mortos após o forte terremoto que atingiu a região central da Itália na quarta-feira (24) subiu para 247, informou a Defesa Civil nesta quinta (25), 27 horas após o tremor. O último balanço aponta ainda que 350 ficaram feridos e centenas seguem desaparecidos.

O tremor matou, por enquanto, 190 na província de Rieti e 57 na província de Ascoli.

As buscas por sobreviventes não tem previsão de interrupção durante a madrugada, segundo as autoridades. Escavadeiras estão sendo usadas nos maiores desmoronamentos, mas em diversos pontos bombeiros e socorristas usam as próprias mãos para retirar escombros e tentar alcançar vítimas.
 

TREMOR NA ITÁLIA



"Infelizmente, 90% das pessoas que retiramos estão mortas, mas algumas conseguem escapar e é por isso que continuaremos aqui", disse à agência AP Christian Bianchetti, um voluntário que ajuda nos resgates em Amatrice, uma das cidades mais afetadas.

A Defesa Civil admite que esse número pode aumentar, já que ainda há centenas de desaparecidos. O jornal "Corriere della Sera" afirma que existem ainda quase 300 feridos. O Itamaraty informou que não há registro de brasileiros entre as vítimas.

Em Pescara del Tronto, o resgate da menina Julia, de apenas 10 anos, emocionou as equipes de resgate. Ela foi retirada dos escombros de um imóvel sob aplausos.

O primeiro tremor, de magnitude 6,2, aconteceu às 3h36 (22h36 em Brasília) e o impacto foi maior perto de Perugia, região localizada a menos de 200 km de Roma, segundo o Serviço Geológico dos Estados Unidos (USGS, na sigla em inglês), organismo que registra os tremores em todo mundo.

Na cidade de Accumoli, cerca de 150 sobreviventes passaram a primeira noite após o terremoto em um abrigo improvisado em um parque público, onde voluntários também estavam recebendo doações. O município fica no alto de uma colina e sofreu graves danos, com o desabamento de várias casas e rachaduras nas ruas. Sem luz, os moradores também foram obrigados a enfrentar baixas temperaturas durante a madrugada.

Também em Amatrice muitas pessoas passaram a noite ao ar livre depois de perderem suas casas.
Ter

Pessoas se agasalham para passar a noite ao ar livre em Amatrice, na Itália, após o terremoto que atingiu a cidade (Foto: Reuters/Stefano Rellandini)

Emergência
"A Itália hoje é uma família abalada, mas que não se abateu", disse o primeiro-ministro da Itália, Matteo Renzi, durante entrevista em Rieti, local onde foi para acompanhar o resgate às vítimas.

Renzi convocou para quinta uma reunião com ministros para tomar as primeiras medidas para ajudar as localidades afetadas e afirmou que esta emergência deverá ser administrada por "um longo período". Ele também desejou que todos "estejam à altura do desafio".

Segundo a Defesa Civil, foram instalados quatro acampamentos com tendas, cozinhas e banheiros em vários pontos da região mais afetadam com uma capacidade de 250 pessoas cada. Espera-se que mais de 800 pessoas, sobretudo especialistas, sejam enviadas ao local afetada para ajudar a lidar com a emergência.

O governo da Itália destinou 234 milhões de euros para emergência imediata, informou o Ministério de Economia e Finanças em comunicado. Mas, além disso, vários números foram ativados para recolher doações para ajudar a Defesa Civil.

Cidades mais afetadas
Os municípios de Amatrice, de 2 mil habitantes; Accumoli, de 700 habitantes; e Norcia, de 4 mil habitantes, sofreram os maiores danos.

"A metade da cidade já não existe. As pessoas estão sob os escombros", afirmou o prefeito de Amatrice, na província de Rieti, Sergio Perozzi, à emissora privada "Sky". "Os danos são numerosos", afirmou o prefeito de Norcia, Nicola Alemanno.

O histórico hotel Roma, em Amatrice, abrigava uma feira gastronômica e ficou totalmente destruído. Cinco corpos foram retirados do local, mas o número de hóspedes, inicialmente estimado em 70, foi reduzido para 35. De acordo com um bombeiro que trabalhava no local, Carlo Cardinali, apenas dez estão desaparecidos.

Ao menos seis pessoas morreram em Accumoli, segundo o prefeito da cidade, Stefano Petrucci. "Quatro pessoas estão sob escombros. Elas não estão mostrando sinal de vida. São pais e dois filhos", disse Petrucci à RAI.

O tremor foi sentido por 20 segundos na capital, Roma, e também no Vaticano. O terremoto ocorreu a apenas 10 km da superfície e a 76 km a sudeste de Perugia, às 3h36 do horário local – 22h36 desta terça, no horário de Brasília. Minutos depois, outro tremor, de magnitude 4,6, sacudiu Rieti, na mesma região.
Arte terremoto Itália (Foto: Arte/G1)

Réplicas
O terremoto principal foi seguido por um outro, de magnitude 3,9, às 3h41, perto de Norcia, na província de Perugia, com epicentro a 7 km de profundidade.

Ao menos 160 réplicas foram registradas no centro da Itália depois do forte terremoto desta madrugada, informou o Instituto Italiano de Geofísica, de acordo com a EFE.

Um porta-voz do primeiro-ministro italiano, Matteo Renzi, afirmou que o governo monitora a situação, mas ainda não deu mais informações sobre o tremor.

Em nota, o governo brasileiro expressou sua solidariedade aos familiares das vítimas e ao governo da Itália. A Embaixada e o Consulado-Geral brasileiros em Roma estão monitorando a situação.

Brasileiros
Brasileiros que estavam em regiões atingidas pelo terremoto relataram o susto que levaram ao serem acordados pelos fortes tremores. "Eu e meu namorado estávamos dormindo quando acordei achando que ele estava tendo uma convulsão porque a cama tremia muito. Só quando olhei para a porta e vi que também tremia é que percebi que era um terremoto e começou o desespero”, conta Priscila Haydée, de 30 anos, natural de Taubaté, no interior de São Paulo.

Outros terremotos
Em 29 de maio de 2012, terremotos de magnitude 5,6 e 5,8 atingiram Emilia Romagna, no norte do país, e deixaram 15 mortos e 4 desaparecidos. Várias cidades tiveram danos e 5 mil pessoas tiveram de deixar suas casas.

Dias antes, em 20 de maio de 2012, um tremor de magnitude 5,9 também no norte da Itália, em Bondeno, deixou seis mortos e 50 feridos. Em 2009, tremor de magnitude 6,3 deixou mais de 300 mortos na região de L'Aquila.



[caption id="attachment_1493" align="alignnone" width="641"]A candidata a prefeita Ocileia 10, foi recebida com abraços por moradores do CANTO A candidata a prefeita Ocileia 10, foi recebida com abraços por moradores do CANTO[/caption]

Na manhã de quarta-feira(24), a candidata a prefeita Ocileia Fernandes(PRB10), foi visitar os moradores do CANTO, e chegando lá na companhia do candidato a vice-prefeito Osmar do Feirão foram muito bem recebidos pelas famílias que moram nesse povoado...
"Estivemos hoje no povoado do Canto juntamente do nosso candidato a vice prefeito Osmar do Feirão e militantes do 10, onde fomos muito bem recebidos por todas as famílias que lá residem e tivemos a oportunidade de ouvir as reais necessidades daquela comunidade. A cada dia nos sentimos mais fortalecidos e com a certeza de que estamos no caminho certo, rumo à vitória. Obrigada amigos e amigas pelo apoio e confiança, somos todos 10," enfatizou Ocileia Fernandes, candidata a prefeita do município de Raposa.
Ocilei 2


Rádio Timbira

banner: radio timbira

Contatos

Whatsapp: 98-988916524


E-mail: folhadomunicipio@hotmail.com

Facebook

Navigation