quarta-feira, 4 de janeiro de 2017
Em entrevista ao EL País, Dino disse que tem uma "tarefa inconclusa no Estado", e que seria "muito frustrante" não seguir no governo.
O governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), afirmou em entrevista ao EL País que não será candidato à presidência da república em 2018. A afirmação do comunista foi feita após diversos rumores que indicavam que ele já era um dos nomes fortes à corrida presidencial.
Na entrevista ao EL País, que abordou diversos assuntos, Dino disse que tem uma “tarefa inconclusa no Estado”, e que seria “muito frustrante” não seguir no governo, por causa de programas já iniciados e que precisam de maturação.
“Sou candidato à reeleição se Deus me der vida e saúde. Porque nós temos uma tarefa inconclusa no Estado. Seria muito frustrante até [não seguir no Governo], porque a gente tem um monte de programas iniciados, programas que me motivam e que exigem um tempo de maturação. Não será em três anos que vamos fazer. Venho intervindo muito pouco no debate nacional desde o impeachment, até para não ficar na posição do chato do “eu avisei”. Prefiro cuidar dos meus problemas, que já são gigantescos”, afirmou Dino.

0 comentários:

Postar um comentário

Rádio Timbira

banner: radio timbira

Facebook

Contato

Whatsapp: 98-988916524

E-mail: folhadomunicipio@hotmail.com

Blogroll