terça-feira, 23 de maio de 2017
O ex-presidente do Barcelona, Sandro Rosell, em imagem de fevereiro de 2016 (Foto: Andrea Comas / Arquivo / AFP Photo)
De acordo com o jornal El País, o centro da investigação é um contrato que o ex-cartola manteve com a CBF. Ele é suspeito de lavagem de dinheiro e foi indiciado nos EUA.
A polícia espanhola prendeu o ex-presidente do Barcelona, Sandro Rosell, nas primeiras horas desta terça-feira (23). Os policiais fazem buscas e apreensões em endereços em Barcelona e outras duas cidades da região. De acordo com o jornal El País, o centro da investigação é o contrato que Rosell manteve com a Confederação Brasileira de Futebol (CBF). 

A imprensa espanhola indica que buscas também estariam acontecendo no Brasil, relacionadas ao ex-presidente da CBF, Ricardo Teixeira. Chamada de "Operação Jules Rimet", a iniciativa ocorre após investigações de lavagem de dinheiro por parte do ex-cartola. Rosell estava sendo investigado nos EUA por seu envolvimento com contratos da Nike e a CBF. O FBI investiga o desvio de cerca de US$ 15 milhões para contas secretas de Ricardo Teixeira, presidente da entidade brasileira naquele momento. 

A operação, segundo a imprensa espanhola, está sendo conduzida depois de investigações por parte da Unidade de Delinquência Econômica e Fiscal da Polícia Nacional e em colaboração com o FBI, nos EUA, que já indiciou Teixeira. Investigações nos EUA deram os primeiros indícios de movimentações de contas na Espanha. Tais dados abriram caminho para a descoberta de uma rede desenhada por Rosell para ocultar dinheiro. 

A Justiça já bloqueou cerca de 10 milhões de euros em contas, além de cerca de 50 imóveis, avaliados em mais de 25 milhões de euros.

0 comentários:

Postar um comentário

Rádio Timbira

banner: radio timbira

Facebook

Contato

Whatsapp: 98-988916524

E-mail: folhadomunicipio@hotmail.com

Blogroll