quarta-feira, 17 de maio de 2017
A Rádio Timbira foi totalmente repaginada e apresentada oficialmente na manhã desta quarta-feira (17), em solenidade no Palácio dos Leões. O governador Flávio Dino apresentou a Nova 1290 Timbira aos maranhenses e a linha telefônica 0800, que garantirá maior acesso aos ouvintes em todo o estado. Também foi lançado o novo portal e um moderno layout para redes sociais com o objetivo de democratizar o acesso à informação.
A Nova 1290 Timbira facilita o acesso ao conteúdo da rádio. Ela estreia a programação inovadora e moderna que fica disponível no site de forma quase simultânea. Ao todo, são 26 programas produzidos semanalmente. A grande novidade da 1290 AM é a plataforma ‘A voz do povo’, que disponibilizará, por meio do telefone 0800 098 1686, acesso gratuito de interação da população durante os programas.
Em seu discurso, o governador Flávio Dino ressaltou que o lançamento da Nova 1290 Timbira se insere em uma lógica de Governo de que é preciso consolidar experiências realizadas de modo duradouro, para que elas não sejam sujeitas às naturais flutuações da política. “E inserimos a comunicação pública neste rol de iniciativas que deve se perenizar por sobre divergências partidárias e as contingências naturais do processo democrático eleitoral”, pontuou.
De acordo com o governador, a Timbira cumpre múltiplos papeis. Um deles, é o de alargar o diálogo com a população. “Nesse sentido da ampliação do diálogo eu queria sublinhar uma das inovações deste evento que é o telefone 0800, disponível para todos os ouvintes. Há um debate clássico, sobre os direitos fundamentais, e um deles trata da remoção dos obstáculos econômicos ao exercício de direitos. É o que nós estamos fazendo”, explicou Flávio Dino, que destacou a necessidade de dar voz à população.
Outro ponto abordado pelo governador como essencial para o fortalecimento da Nova 1290 Timbira diz respeito ao objetivo de “funcionar como uma referência de formação de novos profissionais”. De acordo com ele, a nova grade foi formada com “mestres em jornalismo para servir como referência para as novas gerações”. “É importante nós fazermos um jornalismo sério, decente, responsável, que ajuda com que o jovem estudante de jornalismo e radialismo tenha como referência. Porque se trata de elevar o nível de consciência cidadã, educacional ou cultural do nosso povo”, reiterou.
Para o secretário de Comunicação Social e Assuntos Políticos (Secap), Márcio Jerry, esse é um momento de congratular e parabenizar a equipe, e superar o desafio de fazer com que os cidadãos maranhenses possam ter contato diário com a agenda de mudanças do Maranhão. “A Nova 1290 Timbira assegura e amplia direitos à comunicação. O cidadão tem esse direito e é importante que ele seja reproduzido e irradiado pelo Maranhão de maneira plural e democrática”, frisou.
Mudanças
Nova 1290 Timbira estreia linha 0800 para ligações gratuitas. (Foto: Divulgação)
Nova 1290 Timbira tem parceria com mais de 40 rádios em todas as regiões do Maranhão. A repaginada programação conta com nomes históricos da radiodifusão maranhense como os apresentadores José Raimundo Rodrigues, Silvan Alves, Ivson Lima, Gisa Franco, Gilberto Lima, Marcus Saldanha, entre outros.
“Hoje já há um projeto de parcerias com dezenas de emissoras do Maranhão, há um diálogo permanente com portais, blogs, com a rede estadual de radiodifusão comunitária que é um espectro muito importante para a democratização da comunicação no nosso país”, explicou Márcio Jerry.
O secretário adjunto de Comunicação da Secap e diretor geral da Timbira, Robson Paz, contou que em 2015, quando a atual administração assumiu a rádio, o cenário era de completo estado de abandono. Equipamentos sucateados, instalações inadequadas, espaço insalubre para os profissionais que tinham que viver com ratos, baratas e cupins, “a rádio passou por um período de mais de 20 anos completamente abandonada”.
“Passado esse período nós tivemos, num primeiro momento, a transferência do parque de transmissores, depois de um estudo técnico realizado trouxemos a rádio para um parque novo. Toda a grande São Luís, parte do interior do estado e outras regiões hoje recebem o sinal direto com qualidade da Nova 1290”, disse Robson Paz, que classificou o novo momento como um investimento importante na valorização de profissionais buscando melhorar a qualidade da programação.
Acidente entre um caminhão e uma van deixou entre os feridos dois maranhenses que estavam fazendo turismo na região de Mendonza, na Argentina.

Dois maranhenses morreram durante um acidente entre um caminhão e uma van nessa terça-feira (16), entre as cidades de Polvaredas e Uspallata na Argentina. A técnica em telefonia Rosália Bordalo e seu marido, Paulo Trajano, estavam na uma van que fazia turismo na região próxima a Mendonza.
O acidente aconteceu por volta das 11h30, horário local de Buenos Aires, em uma curva chamada de ‘Las Cruces Verdes’, entre as cidades Uspallata e Polvaredas. Segundo informações de testemunhas do acidente, um caminhão Scania se chocou contra uma van que fazia turismo na região. Com a força do impacto, quatro pessoas morreram, outras três ficaram feridas e foram resgatadas pelos Bombeiros.
morte
Além de Rosália e Paulo, os brasileiros identificados inicalmente como José das Chagas, Marai Trajaner e Socorro das Chagas também morreram no acidente. O motorista da van, Marcelo Moreno também faleceu. Juan Sergio Molina, o motorista do caminhão e o guia de turismo, Juan Pablo Martín, ficaram feridos e estão internados em um hospital da região.
Segundo familiares do casal, a família está em busca de informações para a liberação do corpo das vítimas pelas autoridades argentinas. Ainda não há informações quando será feito o traslado do corpo das vítimas de volta para o Maranhão.
G1,MA

MP pede que Temer perca mandato e que Dilma fique inelegível por 8 anos.
Julgamento da chapa Dilma-Temer será retomado dia 6, decide Gilmar Mendes Presidente do TSE atendeu ao pedido do relator do caso, ministro Herman Benjamin, e reservou quatro sessões para o julgamento da ação, impetrada em dezembro de 2014 pelo PSDB.
O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Gilmar Mendes, marcou para os próximos dias 6 a 8 do mês que vem o julgamento da ação que pede a cassação da chapa Dilma Rousseff-Michel Temer, que venceu a eleição presidencial de 2014. 
A pedido do relator do caso, ministro Herman Benjamin, Mendes reservou quatro sessões para o julgamento: Dia 6, às 19h (ordinária) Dia 7, às 19h (extraordinária) Dia 8, às 9h (ordinária) Dia 8, às 19h (extraordinária) 
O julgamento se iniciou em 4 de abril, mas naquela data os ministros decidiram reabrir a etapa de coleta de provas, autorizar depoimentos de novas testemunhas e conceder prazo adicional para as alegações finais das defesas. Na ação, apresentada à Justiça Eleitoral pelo PSDB em dezembro de 2014 – dois meses depois da derrota nas urnas do candidato do partido, Aécio Neves –, os tucanos acusaram a chapa Dilma-Temer de ter cometido abuso de poder político e econômico por, supostamente, ter recebido dinheiro de propina do esquema de corrupção que atuava na Petrobras investigado pela Operação Lava Jato. Atualmente, o PSDB integra do governo Temer, no qual detém quatro ministérios. 
No dia 6, o caso será retomado com a leitura, por Herman Benjamin, do relatório do processo, que resume toda a apuração feita ao longo de mais de um ano de tramitação. O documento tem mais de mil páginas, mas o ministro deve ler uma versão resumida. Depois, falarão o representante do PSDB, como autor da ação, as defesas de Dilma e Temer e o Ministério Público. 
Em seguida, Benjamin lerá seu voto, condenando ou absolvendo a chapa. Depois, votarão os ministros Napoleão Nunes Maia Filho, Admar Gonzaga, Tarcísio Neto, Luiz Fux, Rosa Weber e Gilmar Mendes. Se o TSE decidir pela cassação da chapa, o presidente Michel Temer perde o mandato e, junto com Dilma, fica inelegível por oito anos. 
Nessa hipótese, o Congresso então deverá realizar eleições indiretas para a Presidência da República, com a possibilidade de se candidatar qualquer brasileiro nato com mais de 35 anos de idade, filiado a partido político e escolhido pelo partido. Votam na eleição indireta os 513 deputados e 81 senadores.
 Alegações finais Em manifestação final, o Ministério Público Eleitoral se posicionou favoravelmente à cassação da chapa e pediu a inelegibilidade da ex-presidente Dilma Rousseff (PT) por oito anos. Em relação a Michel Temer (PMDB), o MP pede a perda do mandato, mas não os direitos políticos, sob o argumento de que não há elementos que comprovem que ele sabia do financiamento supostamente ilegal. 
O vice-procurador-geral eleitoral, Nicolao Dino, incluiu nessa manifestação as delações à Operação Lava Jato dos marqueteiros da campanha de Dilma, João Santana e Monica Moura, ouvidos no dia 24 de abril no processo. No documento, Dino destaca que Santana e Monica afirmaram ‘’textualmente’’ que a representada (Dilma) tinha consciência de que uma parte do pagamentos por seus serviços era oriunda de caixa 2, de responsabilidade da Odebrecht’’. Nas alegações finais, a defesa de Dilma Rousseff pediu ao TSE para desconsiderar os depoimentos do casal de marqueteiros João Santana e Mônica Moura. 
Os advogados de Dilma chamaram de mentirosos os depoimentos e pediram que Santana e Moura respondam por falso testemunho. A defesa de Temer argumentou nas alegações finais que ele não pode ser responsabilizado por eventuais irregularidades na captação de recursos porque ele abriu uma conta diferente daquela usada pela petista para receber doações. Para o PSDB, autor da ação, Dilma cometeu irregularidade eleitoral, mas Temer não.
O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Humberto Coutinho (PDT), foi submetido, nesta terça-feira (16), a uma cirurgia no hospital da Unimed, em Teresina (PI), para tratamento de quadro obstrutivo do intestino agudo, ocasionado por aderências de cirurgias anteriores.
A cirurgia foi realizada com sucesso pelo médico cirurgião José Rodrigues dos Santos (Dr Zequinha, seu colega de profissão e amigo pessoal de décadas) e sua equipe.
No procedimento, foi necessário retirar um pequeno segmento do intestino, que já estava em sofrimento devido à obstrução.
A cirurgia transcorreu normalmente, sem intercorrências clínicas.
No momento, o deputado Humberto Coutinho encontra-se em recuperação pós-operatória no apartamento do hospital da Unimed, onde permanecera por mais uma semana, acompanhado da Dra. Cleide Coutinho, filhos, netos e demais familiares.
A equipe médica informa que a cirurgia a que o deputado Humberto Coutinho foi submetido não tem qualquer relação com a sua doença de base.
Governador ouviu as principais demandas e garantir total apoio do Governo para ações de desenvolvimento dessa importante área do estado.
Para o governador, as Prefeituras precisam de uma ajuda do Governo não apenas no que se refere aos serviços de competência do Estado, mas também naquilo que compete aos municípios.
.O governador Flávio Dino esteve em Balsas cumprindo extensa agenda que contou com a vistoria das obras do Hospital Macrorregional e a abertura da 15ª Agrobalsas, durante esta segunda-feira (16). 
Na ocasião, ele se reuniu com nove prefeitos de cidades da região Sul do Maranhão para ouvir as principais demandas dos municípios e garantir total apoio do Governo para ações de desenvolvimento dessa importante área do estado. 
Estiveram presente no encontro o prefeito de Balsas, Dr. Erik Costa; Marfran Bringel de Loreto; Ramon Barros, de Benedito Leite; Rubens Japonês, de Alto Parnaíba; Aleandro, de Fortaleza dos Nogueiras; Renato Ribeiro, de Nova Colinas; Dr. Santana, de Sambaíba, Márcio Pontes, de São Félix de Balsas e Dr. Roberth de Tasso Fragoso. Também participaram da reunião os secretários de Infraestrutura, Clayton Noleto, e de Agricultura, Márcio Honaiser. 
A reunião integra a política do Governo pautada no diálogo permanente com todos os setores sociais e políticos.

Contatos

Whatsapp: 98-988916524


E-mail: folhadomunicipio@hotmail.com

Facebook

Rádio Timbira

banner: radio timbira

Navigation