sábado, 19 de agosto de 2017
Núcleo Prof. Raimundo José Pereira da Silva é a 19ª escola de tempo integral entregue pelo governo estadual em dois anos.
As escolas em tempo integral do governo do Estado estão mudando o patamar da educação no Maranhão. Nesta sexta-feira (18), o governador Flávio Dino inaugurou, ao lado do deputado estadual Othelino Neto, mais uma estrutura de ensino em contraturno, desta vez em Barra do Corda, a 19ª em dois anos e meio, e segue expandindo o programa Escola Digna. Na ocasião, ele ainda entregou 31.040 uniformes escolares para alunos da rede estadual e de escolas indígenas e assinou ordem de serviço para implantação de 107 cisternas escolares para a Regional de Barra do Corda.
O Núcleo de Educação Integral Professor Raimundo José Pereira da Silva conta com quadra esportiva, auditório, biblioteca e laboratórios de Química, Biologia e Física, além de salas de descanso para os professores, para os alunos, ambulatório, banheiros, sala de professores, almoxarifado e sala de direção. A instituição atenderá alunos das redes estadual e municipal de ensino e vai oferecer estudos complementares como atividades artísticas, esportivas, de laboratórios e reforço escolar, ainda aulas de robótica, informática e matemática, artes e idiomas. O custo total da obra foi de R$ 4 milhões.

Em seu discurso na solenidade de inauguração do Núcleo, Flávio Dino ressaltou que a grande prioridade do governo é a busca de uma educação digna para todos. Segundo ele, mesmo em meio à crise, a única solução verdadeira capaz de transformar autenticamente a vida de todos e resolver as desigualdades e a injustiças existentes no Brasil “é o investimento na educação”.

O prefeito de Barra do Corda, Eric Costa, sublinhou que o Núcleo é uma obra muito importante, bem estruturada e vai proporcionar aulas no contaturno aos jovens barra-cordenses. “Nós acreditamos na educação e essa escola vem contribuir conosco. Então eu registro aqui a nossa alegria e satisfação em receber essa estrutura adequada e moderna que irá contribuir ainda mais para que nós possamos avançar na educação. Um passo muito importante que nós damos e iremos colher esses frutos em um futuro bem próximo”, pontuou o gestor.

Uniformes

O governo do Estado tem desenvolvido ações concretas para o fortalecimento da educação do Maranhão. Ainda no âmbito do programa Escola Digna, o governador Flávio Dino realizou a entrega de fardamentos escolares para 31.040 jovens da rede estadual do ensino regular e de escolas indígenas de Barra do Corda, Fernando Falcão, Jenipapo dos Vieiras e Grajaú.
Gestores escolares e alunos dos municípios receberam o fardamento das mãos do governador Flávio Dino e da equipe da Secretaria de Educação. A gestora escolar indígena, Libiana Pompeu dos Santos, da aldeia Mainumy, de Barra do Corda, participou da entrega dos uniformes e disse que essa é mais uma ação do Governo do Estado para melhorar a educação indígena. “Só tenho a agradecer o trabalho que o governador está fazendo por nós”, realçou.
VOLPE Granitos e Mármores também faz parte dos 15 anos do Jornal Folha do Município na Raposa. 
Rua do Economista, Nº3880, Residencial Talita, ao lado do Lava Jato BLG Contato(98)98740-3880 falar com nosso amigo Jeferson
A Câmara Municipal de Vereadores de Raposa, aprovou em segunda votação, durante a sessão da última sexta feira (18); o projeto de Lei de iniciativa do Executivo Municipal, onde condecora o saudoso morador da cidade, Manoel Ribeiro Memória [Manoel Enoque], falecido já há alguns anos, e que deixou um legado de muito carisma e amizade aos seus contemporâneos.

A homenagem dá-se-á pela alteração no nome do prédio do Centro de Instrução do Mar, localizado no bairro Porto do Braga, que outrora levava o nome do ex-presidente da república, José Sarney. Relembre aqui

Presente na sessão que sacramentou a alteração no nome do prédio, Cláudio Rodrigues Memória [Cláudio Memória], falou à edição do blog sobre esta importante reconhecimento público ao seu pai. 

"Ele era homem atuante na cidade, em diversas áreas e hoje, em nome de toda família Memória, informo à todos que nos sentimos muito orgulhosos e agradecidos por esta importante iniciativa da atual gestora do Município, Talita Laci (PCdoB), e a solidariedade de todos os parlamentares, independentemente de bandeiras partidárias, que ratificaram esta justa homenagem ao meu pai" Afirmou Cláudio Memória
O presidente da Federação dos Municípios do Estado do Maranhão (FAMEM), prefeito Cleomar Tema, reuniu-se nesta sexta-feira (18) com representantes da União de Conselheiros e ex-Conselheiros Tutelares do Estado do Maranhão (UNICECTMA).
Na oportunidade, Tema, que estava acompanhado do vice-presidente da entidade, prefeito Djalma Melo, garantiu apoio a alguns pleitos que, segundo a União, irão contribuir para que centenas de conselheiros e conselheiras possam desenvolver melhor suas atividades no estado.
Cleomar Tema garantiu que irá conversar com os membros da bancada maranhense em Brasília com o objetivo de viabilizar, junto aos deputados federais e senadores, recursos oriundos de emenda de bancada para serem utilizados na aquisição dos chamados kits de equipagem, composto um veículo computadores; impressoras; geladeira e bebedouro.
Estes equipamentos, assim que forem adquiridos, serão distribuídos para os Conselhos Tutelares do Maranhão como forma de otimizar o trabalho dos seus integrantes.
O presidente da FAMEM também se colocou à inteira disposição da entidade para conversar com deputados estaduais e, desta forma, tentar, também através de emenda, obter recursos que serão destinados para compra de novos equipamentos para os Conselhos maranhenses. A ideia da União é de que, por meio do programa Mais IDH, seja possível criar o chamado kit estadual de equipagem, composto por motocicleta; mobiliário; dentre outros itens.
“Estamos extremamente satisfeitos com o apoio e sensibilidade do presidente Tema. Ele é um gestor que valoriza o trabalho dos conselheiros e que sabe da importância dessa categoria para o fortalecimento do municipalismo. Nós, da União, só temos a agradecer este importante apoio do presidente da FAMEM”, disse o presidente da UNICECTMA, Darlan Ferreira Mota.
Cleomar Tema ressaltou o trabalho dos conselheiros tutelares maranhenses. De acordo com ele, é mais do que justo que a Federação contribua para que a categoria se fortaleça cada vez mais.
“Fortalecer os Conselhos significa fortalecer as políticas sociais em todas as cidades do Maranhão”, disse.
Entre os dias 27 e 30 de setembro, a União realizará, na cidade de Barreirinhas grande encontro que reunirá centenas de conselheiros de todo o Maranhão.
A presidente do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), ministra Cármen Lúcia, determinou que todos os tribunais do país passem a informar ao órgão os salários pagos aos juízes de forma detalhada, discriminando inclusive valores extras, como subsídios e verbas especiais.

Em portaria publicada nesta sexta-feira (18), a ministra, que também preside o Supremo Tribunal Federal (STF), ordenou que, em até 10 dias, sejam enviados ao CNJ cópia das folhas de pagamento dos magistrados de janeiro de 2017 até o mês de agosto de 2017.

A partir de setembro, os documentos passarão a ser enviados em até cinco dias após o pagamento, “para divulgação ampla aos cidadãos e controle dos órgãos competentes”, incluindo o próprio CNJ, órgão de fiscalização do Judiciário.

A medida ocorre após a revelação de que um juiz do interior do Mato Grosso recebeu R$ 503,9 mil em vencimentos no início deste mês.

Além do salário normal, de R$ 28,9 mil, Mirko Vincenzo Giannotte, da 6ª Vara da Comarca de Sinop, recebeu o restante em gratificações, vantagens, indenizações e adicionais.

O Tribunal de Justiça de Mato Grosso alegou que uma decisão do CNJ autoriza o pagamento extra, que é referente ao período no qual o magistrado atuou em uma comarca de porte maior, entre 2004 e 2009, e recebeu salário menor que a função exercida.

Segundo a Constituição, o teto salarial para o funcionalismo público equivale à remuneração dos ministros do STF, atualmente fixada em R$ 33.763. Mas parte dos servidores acaba recebendo mais por conta de verbas adicionais, muitas vezes autorizadas por decisões judiciais.

Divulgação no site

Na portaria do CNJ, Cármen Lúcia justifica que a medida leva em consideração a necessidade de aperfeiçoar o acesso à informação sobre os salários e também a falta de “eficácia” de providências adotadas anteriormente pelo próprio órgão para “divulgação e explicitação dos dados”.

O objetivo é garantir apurações sobre eventuais irregularidades no pagamento pelo CNJ, nos casos em que o teto salarial esteja sendo descumprido.

“A Presidência do Conselho Nacional de Justiça providenciará a adoção de medidas específicas pela Corregedoria Nacional de Justiça para explicitação ou adoção de providências, quando for o caso, de descumprimento das normas constitucionais e legais sobre pagamentos realizados sem o fundamento jurídico devido”, diz trecho da portaria.

Outra ação será a criação de uma página específica, dentro do site do CNJ, para divulgação dos salários de forma unificada, para dar transparência aos dados. A portaria não detalha quando os salários começarão a ser divulgados no site.

Do G1

Contatos

Whatsapp: 98-988916524


E-mail: folhadomunicipio@hotmail.com

Facebook

Rádio Timbira

banner: radio timbira

Navigation