sexta-feira, 17 de agosto de 2018
Em depoimento na Delegacia Especial do Meio Ambiente (Dema), a enfermeira Ana Gisella Athan disse que não queria atropelar os cachorros Peppe e Dukeza, mas apenas afastá-los de pessoas que estavam na rua, no Residencial Pinheiros, em São Luís, na última terça-feira (14). Ela se apresentou de forma espontânea, acompanhada de advogados, na tarde desta quinta-feira (16), prestou depoimento e foi liberada para responder o processo em liberdade.
A delegada Caroliny Fernanda dos Santos Santana foi quem tomou o depoimento da enfermeira. A justificativa apresentada foi de incidente e não de atropelamento deliberado. “A versão apresentada por ela é que não tinha intenção de maneira alguma de matar os animais, mas que ela estava acompanhando os cachorros, pois estariam avançando em algumas pessoas e a intenção dela era só afastá-los”, disse a delegada.
Ana Athan deve responder pelos crimes de maus tratos dos animais, agravados pela morte de um deles, mas ela vai responder em liberdade.
“Ela foi ouvida e liberada, pois ela não foi presa em flagrante. A pena pelo crime que ela está sendo investigada, que é de maus tratos, é de um ano. No caso como houve a morte do animal, a pena sobe para um ano e dois meses. O procedimento que se faz é um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO). As partes são ouvidas e testemunhas são ouvidas e o procedimento é encaminhado para o juizado, onde haverá uma audiência com o juiz”, explicou a delegada.
A dona dos cachorros, a professora Leila Cristina Oliveira está em Salvador-BA concluindo curso de doutorado, mas pessoas da família devem ser ouvidas na Delegacia Especial de Meio Ambiente.
Entenda o caso
Imagens de câmera de segurança de uma residência no bairro Residencial Pinheiros, em São Luís, mostram o momento em que uma mulher atropela dois cachorros. O caso foi registrado na terça-feira (14), mas só nesta quinta-feira (16) o vídeo viralizou nas redes sociais e causou revolta nos internautas.
No vídeo, o condutor aparece em um veículo de cor prata acelerando e passando por cima dos animais, que são da raça pastor alemão. Após o atropelamento, é possível ver o carro indo embora. Em seguida, os cachorros aparecem nas imagens sangrando e mancando. Um dos cachorros morreu e um outro, chamado ‘Peppe’, sobreviveu, mas teve várias fraturas.
Após a divulgação das imagens, o caso repercutiu e causou revolta por parte dos internautas. Nas redes sociais, as cantoras Anitta e Preta Gil, o humorista Marcelo Adnet e a atriz Giovanna Ewbank foram algum dos artistas que se manifestaram sobre o atropelamento dos dois cachorros.
Foto: Reprodução/ TV Mirante

0 comentários:

Postar um comentário

Rádio Timbira

banner: radio timbira

Facebook

Contato

Whatsapp: 98-988916524

E-mail: folhadomunicipio@hotmail.com

Blogroll