segunda-feira, 13 de agosto de 2018
O PCdoB segue irresignado com a decisão da juíza Anelise Reginato, de Coroatá, que na semana passada declarou o governador Flávio Dino inelegível por oito anos numa ação que denuncia uso eleitoreiro do programa “Mais Asfalto” em 2016 a cidade (saiba mais aqui e aqui).
A decisão alcança, ainda, o ex-secretário Márcio Jerry (PCdoB), o prefeito e o vice de Coroatá, Luis Filho (PT) e Domingos Alberto (PSB), respectivamente. No caso dos gestores municipais, foi determinada, também, a cassação dos mandatos.
Na tarde de ontem (12), o partido do governador decidiu protocolar no Conselho Nacional de Justiça (CNJ) uma reclamação contra a magistrada. A peça é assinada por um advogado de Brasília.
Os comunistas tentam convencer a opinião pública de que a decisão foi tomada por motivações políticas.
Desde que proferiu a sentença, Anelise Reginato vem sendo alvo de ataques de aliados e simpatizantes do governador.

0 comentários:

Postar um comentário

Rádio Timbira

banner: radio timbira

Facebook

Contato

Whatsapp: 98-988916524

E-mail: folhadomunicipio@hotmail.com

Blogroll