sábado, 22 de setembro de 2018
O Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão julgou a ação de impugnação proposta pelo Ministério Público Eleitoral contra Rosângela Curado, pretensa candidata a deputada estadual pelo Partido Patriota (Patriotas), e indeferiu a sua candidatura por improbidade administrativa.

Foi o próprio procurador eleitoral, Pedro Henrique Castelo Branco, quem impugnou o registro de Rosângela Curado. A impugnação foi por conta de uma condenação no Tribunal de Contas do Estado, relativa ao exercício financeiro de 2008, quando a gestora era secretária de Saúde de Imperatriz.

O TRE acolheu, de forma unânime, o pedido do MP Eleitoral e indeferiu o registro de candidatura de Rosângela Aparecida da Silva Barros, mais conhecida como Rosângela Curado.

Lembrando que Rosângela Curado foi secretária adjunta da Saúde no Governo Flávio Dino e acabou presa na Operação Pegadores da Polícia Federal., quando a PF afirmou que R$ 18 milhões foram desviados na gestão comunista.

0 comentários:

Postar um comentário

Rádio Timbira

banner: radio timbira

Facebook

Contato

Whatsapp: 98-988916524

E-mail: folhadomunicipio@hotmail.com

Blogroll