Covid-19: MA bate recorde de novos casos e chega a mais de 14 mil
O boletim desta segunda-feira (18), da Secretaria de Saúde do Maranhão, confirmou que os casos de Covid-19 seguem crescendo em todo o estado. Tivemos um recorde no número de casos novos da doença, quase mil em apenas 24 horas.

Além dos 961 casos novos, o boletim desta segunda-feira registrou mais 28 óbitos e a inclusão de mais três municípios maranhenses que registraram oficialmente a doença.

Com isso, o balanço atual do coronavírus no Maranhão é o seguinte: 14.198 casos, com 604 mortes, 2.998 pessoas recuperadas, 3.092 suspeitos e já são 198 municípios maranhenses que já tiveram registros oficiais Covid-19. Ou seja, já temos quase 92% das cidades do Maranhão com pessoas infectadas.

Sobre os leitos, atualmente a ocupação de leitos de UTI na capital é de 88,44%, já de leitos clínicos é de 68,09%. No interior, com exceção de Imperatriz, a ocupação de leitos de UTI está em 76,67% e leitos clínicos em 63,18%. Já em Imperatriz, a ocupação de leitos de UTI é de 91,43%, já de leitos clínicos é de 78,79%.

Vale destacar ainda que, até o momento, já tivemos 819 profissionais da Saúde infectados, mas com 713 recuperados e, infelizmente, 14 óbitos durante toda a pandemia.

Os 28 novos óbitos vieram: Campestre (01); Pindaré-Mirim (01); Penalva (01); Zé Doca (01); Viana (01); São José de Ribamar (01); Rosário (01); Paço do Lumiar (03); Imperatriz (06); São Luís (12).

Flexibilização – Apesar de todos esses números, mais de 600 óbitos e com recorde de novos casos em 24 horas, o governador Flávio Dino, em entrevista na TV Mirante, na noite desta segunda-feira, reafirmou sua intenção de flexibilizar o isolamento, no novo decreto que será editado nesta semana.

“Vou editar decreto com diretrizes para uma abertura progressiva do comércio. É o início de um processo que irá começar a partir desse decreto”, afirmou o comunista.

Brasil – No Brasil tivemos 674 mortos confirmados em 24 horas. Atualmente, temos 254.220 casos, com 16.792 óbitos.