Maranhão tem mais de 1.500 casos e 30 óbitos em 24 horas.
No boletim da Secretaria de Saúde deste domingo (24), o Maranhão registrou 1.595 novos casos (449 na Região Metropolitana e 1.146 no interior maranhense), o boletim trouxe também 30 novos óbitos e não incluiu nenhum município, continuando ainda sem a cidade de Passagem Franca, que desde o dia 14 de maio já teve registro confirmado nas redes sociais da Prefeitura .

Com isso, o balanço atual do coronavírus no Maranhão é o seguinte: 22.786 casos, com 784 mortes, 5.271 pessoas recuperadas, 1.394 suspeitos e já são 207 municípios maranhenses que já tiveram registros oficiais Covid-19. Ou seja, já temos quase 96% das cidades do Maranhão com pessoas infectadas.

Sobre os leitos, atualmente a ocupação de leitos de UTI na capital é de 97,83%, já de leitos clínicos é de 76,86%. No interior, com exceção de Imperatriz, a ocupação de leitos de UTI está em 69,91% e leitos clínicos em 64,71%. Já em Imperatriz, a ocupação de leitos de UTI, infelizmente, alcançou 100%, já de leitos clínicos é de 93,83%.

Vale destacar ainda que, até o momento, já tivemos 902 profissionais da Saúde infectados, mas com 747 recuperados e, infelizmente, 17 óbitos durante toda a pandemia.

Os 30 novos óbitos vieram: Anapurus (01); Carutapera (01); Mata Roma (01); Coelho Neto (01); Brejo (01); Vitória do Mearim (01); Imperatriz (01); Pastos Bons (01); Santa Quitéria (01); Paulino Neves (01); Timon (01); Tutóia (02); Paço do Lumiar (02); Barra do Corda (03); Lago da Pedra (06); São Luís (06).

Brasil – No Brasil atualmente temos 363.211 casos, com 22.666 óbitos. O país é o segundo no mundo em número de casos, perdendo apenas para os EUA.
EUA anunciam proibição de entrada de viajantes vindos do Brasil por causa de coronavírus.
Estrangeiros que tenham passado 14 dias no Brasil não poderão ingressar no país, com algumas exceções, segundo decreto assinado pelo presidente Donald Trump. Neste domingo, Brasil registrou mais mortes por Covid-19 do que EUA.
Por G1