O maranhense Yuri Costa foi eleito presidente do Conselho Nacional de Direitos Humanos. 

A decisão foi tomada ainda pouco na 14ª Reunião Extraordinária do CNDH.  

Yuri Costa é Defensor Público Federal com formação em direito e história pela Universidade Federal do Maranhão.  

Ele tem forte atuação em defesa dos povos indígenas e quilombolas, principalmente em terras maranhenses.  

Yuri Costa ficará à frente da CNDH pelos próximos dois anos entre 2020-2022.