Os deputados estaduais maranhenses estão articulando a formação de novos blocos parlamentares. 

A entrada de novos deputados estaduais – Fábio Braga (SDD), Betel Gomes (PRTB) e Socorro Waquim (MDB) – vem contribuindo com esse processo, mas o principal envolve articulação nacional e a disputa 2022.  

O MDB que possui três estaduais – Roberto Costa, Arnaldo Melo e Socorro Waquim – já deixou o Bloco de Oposição, que formava com o PV. 

O partido vem dialogando com membros do Solidariedade e do Partido Progressista, para tentar formar um novo bloco. 

O deputado estadual Yglesio Moyses (PROS) também vem sofrendo investidas.  

Mas no momento, Yglesio também namora uma possível filiação ao PSD, que ambiciona trazer mais dois deputados estaduais, seriam: César Pires e Adriano Sarney, ambos no PV. 

Wellington do Curso também vem sendo sondado pelo partido comandado por Edilázio Júnior.  

Outro partido que se movimenta na Assembleia Legislativa é o PL, que hoje forma o Bloco Parlamentar Democrático.  

A formação de blocos é fundamental para definir a ocupação das Comissões parlamentares, assim como também orientação e obstrução de votações.