Foto: Michel Jesus / Câmara

14 dos 18 deputados federais maranhenses votaram pela manutenção da prisão do também deputado Daniel Silveira (PSL-RJ), acusado de atacar o STF e de fazer apologia ao AI-5.

Durante a votação, foram favoráveis ao relatório da deputada Magda Moffato (PL-GO) os deputados André Fufuca (PP), Bira do Pindaré (PSB), Cleber Verde (Republicanos), Dr. Gonçalo (Republicanos), Edilazio Junior (PSD), Gastão Vieira (PROS), Gil Cutrim (PDT), João Marcelo (MDB), Josimar Maranhãozinho (PL), Junior Lourenço (PL), Marreca Filho (Patriota) Pedro Lucas (PTB) e Zé Carlos (PT).

Hildo Rocha (MDB), Josivaldo JP (Podemos) e Pastor Gildenemyr (PL) votaram pela revogação da prisão.

Presidente do Conselho de Ética da Casa, Juscelino Filho (DEM) absteve-se de votar.