sábado, 28 de julho de 2018
Carreta carregada de Lixo tomba em pleno centro de Bacabeira. Contaminação total. 
A decisão contou com a articulação do Governo do Estado, através da Agência Executiva Metropolitana.
Reunião com prefeitos para fechar acordo.

Não tem mais jeito! As cidades de Rosário e Bacabeira viraram mesmo o ‘quintal’ da Região Metropolitana de São Luis.

Nesta semana, mais precisamente no dia 25, as 10 cidades que compõem a metropolização decidiram descartar seu lixo no aterro sanitário da Titara, que fica no limite territorial entre as cidades de Rosário e Bacabeira.

A decisão contou com a articulação do Governo do Estado, através da  Agência Executiva Metropolitana, comandada, na época, pelo vereador Pedro Lucas Fernandes (PTB).

A ordem de serviço para disposição final dos Resíduos Sólidos urbanos da região Metropolitana da grande São Luís contempla os municípios de São Luis, São José de Ribamar, Raposa, Paço do Lumiar, Rosário, Presidente Juscelino, Cachoeira Grande, Axixá, Morros e Icatu.

Apenas Bacabeira ficou de fora, pois possui seu próprio aterro.

Atualmente o Lixão Regional já recebe o lixo oriundo de São Luís, São José de Ribamar, Raposa e Rosário; e passará a receber das demais cidades citadas acima, depois que os prefeitos assinaram os termos do contrato com a empresa Titara. Segundo informações, o contrato prevê, no mínimo, 20 anos de descarte do lixo em Rosário.

O presidente da Agem destacou que a partir da próxima segunda-feira, 30, os municípios beneficiados já poderão transportar seus resíduos sólidos para o aterro da Titara. 

A decisão frustou a população das duas cidades afetadas e deve gerar mais repercussões negativas. Bacabeira e Rosário já sofrem as consequências dos descartes de lixo. Além do forte odor, e solo e os lençóis freáticos estão sendo contaminados por Chorume, as caçambas que fazem o transporte irregular do lixo ainda espalham lixo e chorume por onde passam. Sem contar os inúmeros acidentes ao longo da BR-135, inclusive com mortes.

EM TEMPO

A Câmara Municipal de Bacabeira, no mês de junho, já havia se manifestado contrária aos desmandos deste projeto. O vereador Jefferson Calvet (PSC) apresentou projeto de Lei proibindo a circulação destes caminhões na zona urbana do município. A Matéria está em tramitação na CCJ. 

O vereador Dino Neto também apresentou Indicação solicitando a realização de audiência pública para discutir ps impactos negativos trazido pelo aterro da Titara Também no mês de junho, uma comissão de vereadores visitaram o secretário de estado do meio ambiente, Marcelo Coelho, para apresentar demandas a fim de que sejam analisadas e tomadas providências urgentes. Do blog do Jefferson Calvet.

0 comentários:

Postar um comentário

Rádio Timbira

banner: radio timbira

Facebook

Contato

Whatsapp: 98-988916524

E-mail: folhadomunicipio@hotmail.com

Blogroll