Em alusão ao Setembro Azul, mês da visibilidade da Comunidade Surda Brasileira, a Prefeitura de Raposa, por meio da Secretaria Municipal de Educação (SEMED), realizou a Primeira Oficina de Língua Brasileira de Sinais (LIBRAS). Tendo como objetivo a capacitação dos profissionais da Educação que trabalham na Secretaria, para garantir a acessibilidade comunicativa aos estudantes surdos da rede de ensino municipal e também de toda a comunidade surda que frequentar os espaços educacionais. 

Quem ministrou a oficina foi a pedagoga, especialista em Educação Especial e intérprete de Libras, Georgiana Castro dos Santos Lisboa, que abordou os temas de inclusão e a valorização para garantir nas escolas a acessibilidade comunicativa aos surdos em todas as instâncias. 

A capacitação dos servidores e servidoras que atuam na SEMED aconteceu no Salão Paroquial da Igreja Matriz de São Pedro Apóstolo, no Centro de Raposa.

A secretária de Educação, Verismar Gomes, participou do evento e ressaltou a importância dessa capacitação: "Estamos realizando a primeira oficina, a primeira de muitas ações e vamos dar todo apoio aos professores para que eles possam adquirir esse conhecimento e para que os alunos se sintam envolvidos", destacou.  

A Coordenadora da Equipe Multiprofissional da SEMED, Alcylene Dutra, explicou que essa oficina é também uma ação alusiva ao Setembro Azul, mês de valorização da pessoa surda e da língua de sinais. "Dentre outras ações, destacamos também a visita aos estudantes surdos da Rede Municipal de Ensino", completou.