No último sábado, 09, a Prefeitura de Raposa realizou um encontro entre profissionais da educação para dialogar sobre a implantação do programa Brasil na Escola por meio da Secretaria Municipal de Educação (SEMED).

O prefeito Eudes Barros se fez presente na reunião que foi realizada no Colégio Militar Tiradentes XII, e aproveitou a ocasião para parabenizar os professores, a coordenação pedagógica, a supervisão, e os voluntários que irão participar do programa como monitores e a equipe técnica do programa Brasil na Escola.

O coordenador do programa, Felipe Cardoso, explicou que todos os profissionais envolvidos irão trabalhar em prol das melhorias para o ensino do Colégio Militar Tiradentes – CMT XII.

"O Programa Brasil na Escola é uma iniciativa do Governo Federal promovida após o contexto pandêmico, que provocou déficits na educação brasileira, para sanar as lacunas de ensino-aprendizagem através de diagnósticos produzidos e apresentados pelo MEC, visando compreender os níveis de conhecimentos dos alunos e complementar o ensino com diversas estratégias que serão realizadas em três eixos: a aprendizagem, a etapa de transição entre os ciclos de fundamental 1 ao 2 e a transição para o ensino médio", declarou.

A professora Bernarda Sousa, diretora geral pedagógica do CMT XII, explicou que o objetivo do Brasil na Escola é induzir e fomentar estratégias e inovações para assegurar a permanência, as aprendizagens e a progressão escolar na idade adequada dos estudantes matriculados nos anos finais do ensino fundamental. Ela ressaltou que além disso, haverá a utilização da frequência como meio da supervisão comportamental dos alunos e suas formas de socialização.

"O programa busca iniciar as bases para uma agenda de inovações sobre a atual organização do Ensino Fundamental. De acordo com a proposta do programa, cada escola terá que elaborar um projeto coerente com o seu contexto escolar e passarão por um monitoramento, em busca de um maior índice de aprendizado", explicou.

Bernarda destacou, ainda, que o programa busca, também, melhorar os índices educacionais da escola em exames nacionais aplicados ao sistema de educação básica e, por fim, trabalha com formações com os professores e alunos, planejando e sinalizando a organização com a comunidade escolar e os pais.

Além do CMT XII, a U.E Boa Esperança (Rural) e escola Maria Rosa Reis Trindade também foram escolas contempladas com o referido suporte do Programa Brasil na Escola.