O secretário de Saúde do Maranhão, Carlos Lula, foi reconduzido a presidência do CONASS (Conselho Nacional de Secretários de Saúde), nesta quarta-feira (24), em Brasília.

Carlos Lula foi reeleito por aclamação, durante a reunião entre os secretários de Saúde de todo o Brasil. O maranhense já havia sido eleito para o cargo em julho do ano passado.

“Ninguém esperava ter a caminhada que tivemos. O turbilhão de desafios que atravessamos, nos aproximou. O Conass toma parte de nossas vidas, de nosso dia a dia, de nosso trabalho. O Conass é feito por todos os secretários, todas as secretárias e a ajuda de vocês, de forma incansável, é o que permite a gente a caminhar”, agradeceu.

A reunião também definiu os cinco vice-presidentes para a gestão 2021/2022. Os eleitos são: André Longo (SES/PE) para a Região Nordeste; Juan Mendes (SES/AP) para a Região Norte; Nesio Júnior (SES/ES) para a Região Centro Oeste; Ismael Alexandrino (SES/GO) para a Região Sudeste; e, Beto Preto (SES/PR) para a Região Sul. A nova diretoria toma posse no mês de abril.

Nas redes sociais, o governador Flávio Dino parabenizou a reeleição de Carlos Lula.

“Parabenizo o secretário de saúde do Maranhão, Carlos Lula, pela reeleição como presidente do CONASS, órgão que vem fazendo um grande trabalho em defesa da vida e da saúde da população”, afirmou o comunista.