Ainda repercute a apreensão de um veículo Toyota Corolla, por parte da Polícia Rodoviária Federal, na terça-feira (18), na BR-316, próximo a cidade de Peritoró, com mais de meio milhão de reais.

Nesta quarta-feira (19), foi confirmado que o veículo apreendido e encaminhado para a Polícia Federal, uma vez que os dois ocupantes do carro (Hugo Fabiano Roriz Meneses e Mauro Sérgio Brito Silva) não souberam explicar a origem do dinheiro, está em nome de Zarle Jadão Meneses, que é mãe da deputada estadual Daniella (DEM).

Em nota, a deputada estadual admite que o veículo apreendido está realmente no nome da sua mãe, mas alega que o carro já teria sido vendido a um terceiro, cujo nome não foi revelado, e que falta apenas a transferência para o novo(a) dono(a). Veja abaixo na íntegra.

Esse é o segundo caso polêmico envolvendo a deputada Daniella em cerca de 30 dias. No início de dezembro de 2021, o veículo que a parlamentar estava foi alvo de uma abordagem policial. Daniella reclamou publicamente da abordagem e, coincidentemente, o responsável pela operação, o Tenente França, foi exonerado do comando da Companhia da Polícia Militar de Tuntum.

A parlamentar também fez questão de publicizar o fim do seu relacionamento com o ex-prefeito de Tuntum e ex-presidente da Famem, Cleomar Tema. 

Inegavelmente, vai vivendo momentos turbulentos a deputada Daniella.